Comitê dos EUA pede desculpa por mentira de atletas

|

O Comitê Olímpico dos Estados Unidos (Usoc, na sigla em inglês) pediu desculpas ao Rio de Janeiro e aos brasileiros após a polemica envolvendo nadadores do país. Ontem (18) os atletas admitiram que a versão de um assalto contada a polícia era mentirosa.

“O comportamento desses atletas não é aceitável e não representa os valores do time dos Estados Unidos ou a conduta da vasta maioria de seus membros. Iremos rever a questão e quaisquer consequências em potencial para os atletas quando retornarmos aos Estados Unidos”, argumentou a entidade em nota divulgada em seu site oficial.

“Em nome do Comitê Olímpico dos Estados Unidos, nos desculpamos com nossos anfitriões no Rio e com as pessoas do Brasil por esta provação de desordem no meio do que deveria ser uma celebração de excelência”, lamentou.

Quando revelado, o suposto assalto, repercutiu mal no Brasil. Por meio do seu diretor executivo de Comunicações, Mário Andrada, o Comitê da Rio 2016 chegou a pedir desculpas a Lochte pelo ocorrido. Nas horas seguintes, a imprensa norte-americana buscava saber se o nadador estava bem, se tinha sido ferido.

Entenda o desfecho do caso e a punição aplicada a um dos atletas clicando aqui.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA