Confiança dos empresários cresce 10,3% em outubro

|

Empresário,Empresários
Empresário,Empresários
O Índice de Confiança do Empresário do Comércio, medido pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), cresceu 10,3% em relação a outubro de 2016 e atingiu 107,2 pontos, em uma escala de zero a 200. De setembro para outubro deste ano, a alta foi de 0,3%.

De acordo com a CNC, 107,2 pontos é considerada uma avaliação positiva, acima da “zona de indiferença” da escala que se localiza nos 100 pontos.

Apesar da alta de 0,3%, os empresários estão menos otimistas em relação ao momento presente do que estavam em setembro. O subíndice das condições atuais do comércio recuou 0,6%, com quedas nos três componentes: avaliação sobre a economia (-0,6%), sobre o setor do comércio (-0,7%) e sobre o seu próprio negócio (-0,5%).

Por outro lado, o subíndice de expectativas cresceu 0,3% de setembro para outubro, mostrando que a confiança dos empresários em relação ao futuro melhorou. As expectativas cresceram em relação ao futuro da economia (0,7%) e dos seus próprios negócios (0,1%). A confiança em relação ao futuro do setor ficou estável.

O subíndice da intenção de investimentos foi o que teve o melhor desempenho, com alta de 1,1%, devido a avanços de 1,3% na contratação de funcionários, de 1% na avaliação sobre os estoques e de 0,8% nos investimentos na empresa.

Na comparação com outubro de 2016, houve altas de 34,7% nas condições atuais, de 1,2% nas expectativas e de 9,7% na intenção de investimentos.


*Fonte: Agência Brasil

conteúdo original: http://bit.ly/2lpA5Wx
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA