O plano da Almundo para unir consumidores e especialistas

|

A Almundo, segunda empresa de viagens da Argentina, chega ao Brasil em 2018 já com planos de ser mais do que simplesmente uma Online Travel Agency (OTA). A ideia é ser uma plataforma e participar de todos os momentos de uma viagem, do planejamento até o retorno e compartilhamento da experiência. "Nossa ambição é ser líder em talento, tecnologia, informação e experiência", diz o CEO, Juan Pablo Lafosse.

Maria Eduarda
O presidente da Almundo no Brasil, Luciano Barreto, e o CEO da empresa, Juan Pablo Lafosse
O presidente da Almundo no Brasil, Luciano Barreto, e o CEO da empresa, Juan Pablo Lafosse
Alguns dos projetos da Almundo para alcançar esse patamar foram apresentados a seletos parceiros brasileiros, na manhã desta quinta-feira, na sede da companhia, em um prédio de coworking em Buenos Aires. O escritório, aliás, é quase um símbolo do DNA jovem da empresa, que além de focar no ambiente digital, tem flertado com iniciativas de economia compartilhada e acaba de contratar a ex-chefe de Marketing do Uber na América Latina, Sofia Ramirez, que assume como chief growth officer.

EXPERTOS
Na plataforma colaborativa que começa a implementar, a Almundo pretende reunir todos os atores da indústria. Agora, uma das principais apostas da empresa é o Expertos, programa que une consumidores a especialistas. "Acreditamos que o mais importante para uma venda assistida ter sucesso é pôr em contato um cliente com um profissional que tenha o melhor conhecimento sobre aquele destino ou experiência para planejar a viagem", afirma Lafosse.

A novidade que é apresentada hoje funcionará assim: aos consumidores, é garantido atendimento personalizado com um especialista no destino e aos Expertos, uma porcentagem da venda. O contato é feito pela plataforma, por chat ou vídeo chamada.

Maria Eduarda
O escritório da Almundo na Argentina
O escritório da Almundo na Argentina
Com o tempo, a proposta é que a qualidade dos profissionais nessa base de dados seja garantida pela própria comunidade, que avalia o atendimento recebido. Todas as avaliações, comentários e ranking ficam na plataforma.

Para tornar-se Experto, será preciso realizar um cadastro, passar por entrevistas e por um treinamento. Atualmente, a base global de especialistas conta com 500 pessoas, já selecionadas pela Almundo. A meta é ter dez mil cadastrados até o final do ano que vem, com perfis e expertises diversificadas.

CHEGADA NO BRASIL
A Almundo será oficialmente lançada no Brasil no final de fevereiro, já com esse projeto em andamento. Presidida no País por Luciano Barreto, ex-diretor da B2W, a empresa pretende ter um retorno de US$ 45 milhões em 2018, em seus nove meses de operação. A equipe brasileira conta com cerca de 35 profissionais - a grande maioria da Submarino Viagens.

Maria Eduarda
O coordenador de Performance, Guilherme Rubio, Lafosse, Barreto, a gerente comercial e de Operações, Fernanda Ferreira, e a coordenadora de Comunicação, Veridiana Franco
O coordenador de Performance, Guilherme Rubio, Lafosse, Barreto, a gerente comercial e de Operações, Fernanda Ferreira, e a coordenadora de Comunicação, Veridiana Franco
Globalmente, a Almundo tem cerca de mil funcionários, espalhados pela Argentina, México, Colômbia e agora Brasil. O faturamento gira em torno de US$ 500 milhões.

Na Argentina, a Almundo conta com mais de 60 pontos de venda físicos. No México, são 3 e na Colômbia, 1. No Brasil, a princípio, a operação será inteiramente online, com site, aplicativo e call center. Ainda em 2018, a empresa pretende abrir escritórios na América do Norte, na Europa e na Ásia.

O Portal PANROTAS viaja a convite da Almundo, com seguro Vital Card
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA