Phocuswright lista 5 grandes mudanças em reservas de viagens pós-covid

|

A Phocuswright iniciou hoje sua conferência anual, dessa vez on-line, por causa da pandemia de covid-19, com o tema “To the brink and back” (algo como Ir e voltar do fundo do poço ou da beira do abismo), que contará, em cinco dias (11 e 12, e 16, 17 e 18 de novembro) palestrantes de empresas de Tecnologia e Turismo de todo o mundo.

Entre eles, nomes como Richard Fain, da Royal Caribbean, Sean Menke, do Sabre, Alison Taylor, da American Airlines, Jeff Lobl, da Delta Air Lines, Angel Gallego, da Amadeus, Steve Caufer, do TripAdvisor, Oral Muir, da Hilton, Sherry Stein, da Sita, Glenn Fogel, da Booking, Luc Bondar, da United Airlines, Amy Burr, da JetBlue, Colleen Coulter, do Facebook, John Bukowski, da American Express Global Business Travel, Greg O’Hara, da Certares, Michelle Peluso, da IBM, Ritesh Agarwal, da Oyo Hotels, Steve Hafner, do Kayak, e Martinique Lewis, da Black Travel Alliance.

Uma recente pesquisa divulgada pela Phocuswright, para aquecer os debates em sua conferência, apontam as 5 principais mudanças em como os viajantes irão planejar:

1 – Flexibilidade é chave: o risco de perder dinheiro por cancelamentos ou mudanças repentinos é uma grande preocupação para os viajantes.
2 – Os viajantes a lazer querem o máximo possível de informações sobre como será a experiência no destino, atrativo ou meio de hospedagem. E irão procurar as políticas de cancelamento e remarcação.
3 – Os viajantes também querem estar bem informados sobre as políticas de prevenção e saúde, antes de fazer a reserva. Mesmo que iniciativas específicas não sejam tão relevantes para eles. Portanto, detalhe todas as medidas que tomou por causa da pandemia, para garantir a segurança de seus clientes e colaboradores, além da comunidade onde está.
4 – A incerteza que a covid-19 trouxe mudou as timelines típicas de busca e reserva de viagens, com padrões novos para diferentes grupos etários. Há viajante se planejando para 2021 e além, mas outros decidindo viajar um dia antes.
5 – Segundo a Phocuswright, a maioria dos viajantes continuará usando os mesmos canais de reservas e consulta de antes da covid-19. Não está prevista uma mudança brusca em relação aos canais de vendas.

Preocupação com o risco de perder dinheiro com cancelamentos ou remarcações é grande na mente dos viajantes pós-pandemia
Preocupação com o risco de perder dinheiro com cancelamentos ou remarcações é grande na mente dos viajantes pós-pandemia
Saiba mais sobre a conferência da Phocuswright clicando aqui.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA