Após ameaça, Brand USA tem orçamento confirmado

|

Após ter sua existência ameaçada com mudanças orçamentárias sugeridas pelo presidente Donald Trump, o Brand USA pode, ao menos por enquanto, respirar aliviado: o orçamento do Departamento de Segurança Nacional para o ano fiscal de 2018 aprovado pela Comissão de Apropriações da Câmara dos Estados Unidos define que os fundos para o órgão de promoção turística do país não serão redirecionados para o controle de fronteiras, como quer Trump, que sugeriu a eliminação completa da entidade.

Artur Luiz Andrade
Rogew Dow, presidente da USTA
Rogew Dow, presidente da USTA

A proposta segue agora para o plenário da Casa.

O orçamento previsto para o Brand USA é de aproximadamente US$ 163 milhões, sendo US$ 92 milhões oriundos da receita do Turismo estadunidense e o restante de contribuições de mais de 700 empresas do setor para o órgão.

Vice-presidente de Relações Governamentais da Associação de Viagens dos Estados Unidos (USTA), Patricia Rojas-Ungár afirmou que o restabelecimento dos fundos para o Brand USA é “um passo na direção certa, mas ainda falta muito trabalho em ambas as casas”, lembrando que ainda será preciso manter a proposta dessa forma no plenário da Câmara e no Senado.

Criado em 2010 pelo ex-presidente Barack Obama, o Brand USA já foi responsável por injetar US$ 8,9 bilhões na economia dos Estados Unidos, segundo o presidente da USTA, Roger Dow.

No Brasil, a Brand USA é representada pela Aviareps.


*Fonte: USAE

conteúdo original: http://bit.ly/2uY0A92
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA