Movida

Artur Luiz Andrade   |   02/08/2016 15:33

Mobile passa desktop nas vendas de hotéis IHG

Pela primeira vez as vendas on-line por dispositivos móveis (mobile responsivo e apps) ultrapassaram as vendas digitais por desktop no grupo IHG. Isso ocorreu no primeiro semestre do ano, segundo balanço divulgado hoje. No faturamento de US$ 11,9 bilhões (+1,7%), a receita digi


Emerson Souza

Pela primeira vez as vendas on-line por dispositivos móveis (mobile responsivo e apps) ultrapassaram as vendas digitais por desktop no grupo IHG. Isso ocorreu no primeiro semestre do ano, segundo balanço divulgado hoje. No faturamento de US$ 11,9 bilhões (+1,7%), a receita digital cresceu 7% epassou dos US$ 4 bilhões. A receita apenas de mobile, nos últimos 12 meses, chegou a US$ 1,4 bilhão, contra US$ 50 milhões em 2010.

O CEO do IHG, Richard Solomon, também celebrou o crescimento de 20% nas inscrições do IHG Rewards, estimulados por condições diferenciadas de tarifas e benefícios. A migração para a venda direta, por conta disso, foi de 2%. "Não estamos em guerra com as OTAs. Gostamos delas, mas são um canal caro. É uma questão de otimização de nosso mix (de canais)", explicou aos investiodres.

O lucro operacional do grupo foi de US$ 344 milhões e a receita líquida de US$ 838 milhões. A rede aumentou o número de quartos de seu inventário em 8% (+ 17 mil) e a previsão pé de mais 35 mil, chegando a 222 mil no total. Desses 35 mil novos, 45% estão em construção e 90% estão nos dez mercados prioritários do IHG.

Para 2017, o grupo pretende lançar seu sistema de reservas hospedado em nuvem.

Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias