Conteúdo GBTA Conference "superou expectativas", diz Costa

|

Jhonatan Soares
Wellington Costa, diretor regional da GBTA no Brasil
Wellington Costa, diretor regional da GBTA no Brasil
Os debates promovidos pelo GBTA Conference 2017, em São Paulo, agradaram o diretor regional da entidade no Brasil, Wellington Costa. Para ele, "quem veio saiu mais do que satisfeito, podemos dizer que superou as expectativas". Com um modelo que propõe a troca de experiências além de ser plataforma de negócios, o evento prima por justamente ser uma fonte de conhecimento. "No nosso caso o conteúdo é tão importante quanto o networking", completa.

O diretor executivo da Abracorp, Gervasio Tanabe, exalta o tripé do evento, que envolve networking, absorção de conhecimento e compartilhamento de conhecimento. Para ele, no entanto, o público presente poderia ser mais participativo. "A modelagem da GBTA Conference não é marqueteira, ela busca negócios e isso é bacana. Fica algo intimista, é legal, porque a gente percebe que o cliente corporativo está viciado em alguns modelos, você não vê interações, mesmo quando a gente provoca, fala de temas delicados. Aos poucos a gente começa a quebrar isso como eventos como este."

Foram 220 profissionais presentes, segundo Wellington Costa, número que representa aumento de 20% em relação ao ano passado. Um acréscimo quantitativo, porém também qualitativo. "Dos presentes 60% eram gestores de viagens, é o cliente final", exalta. O diretor da GBTA no Brasil comemora o número já que se aproximam a convenção da entidade em Boston (entre 15 e 19 de julho), além de eventos similares ao de hoje no Rio (21/8), em Buenos Aires (17/9), em Bogotá (19 a 21/10) e em Lima (17/11).

Confira abaixo os cliques de Jhonatan Soares no GBTA Conference 2017 - São Paulo:
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA