Pernambuco proíbe eventos corporativos e sociais por 30 dias

|

O Comitê de Enfrentamento à covid-19 em Pernambuco decidiu, com base nos indicadores epidemiológicos desta semana, adotar mais uma medida restritiva no Plano de Convivência, em todo o Estado. Com isso, a partir da próxima segunda-feira (25), está proibida a realização de eventos de qualquer natureza, sejam corporativos ou sociais. A restrição é válida por 30 dias.

Heudes Regis
André Longo, secretário estadual de Saúde, e Rodrigo Novaes, secretário de Turismo e Lazer, durante coletiva on-line do Governo de Pernambuco
André Longo, secretário estadual de Saúde, e Rodrigo Novaes, secretário de Turismo e Lazer, durante coletiva on-line do Governo de Pernambuco
“Os eventos sociais e corporativos que podiam ser realizados, até então, com a capacidade máxima de 150 pessoas, estão suspensos. É preciso que nós continuemos avançando, cumprindo os protocolos, tanto os comerciantes quanto os cidadãos e banhistas, que procuram a praia como opção de lazer. Neste final de semana, continuaremos com a campanha de conscientização para que possamos manter esse ambiente de lazer aberto", diz o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes.

DISTRIBUIÇÃO DE VACINAS
Após a chegada da primeira remessa de vacinas na Central de Armazenamento e Distribuição de Vacinas do Estado, a Secretaria Estadual de Saúde conseguiu realizar a distribuição e concluir a entrega das doses para todas as unidades administrativas. Na quarta-feira (20), 100% dos municípios pernambucanos já estavam com suas doses, aptos para imunizar a população.

Esta semana, Pernambuco registrou leve flutuação nos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), com 708 casos notificados – uma diferença de 27 casos (3%) em relação a semana 1 e um aumento de 17% na comparação de 15 dias. Em relação às solicitações de leitos na Central de Regulação Estadual, entre as duas primeiras semanas deste ano houve redução de 10% nos pedidos de vagas de enfermaria, mas um aumento de 5,3% nos de internação nas UTIs.

“Diante desse cenário, o comitê decidiu pela adoção da nova medida restritiva. Gostaria, contudo, de elogiar o comportamento da população e dos comerciantes na maioria das praias durante o último final de semana. O recado foi absorvido e as medidas de distanciamento e os cuidados sanitários foram adotados na maior parte das faixas de areia", enfatiza o secretário estadual de Saúde, André Longo.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA