GL events apresenta projeto do Distrito Anhembi

|

A GL events Brasil, responsável pela concessão do Anhembi nos próximos 30 anos, apresentou hoje (8) o projeto Distrito Anhembi ao prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes. Sob a nova gestão, o complexo voltará a ser um importante propulsor para a economia de São Paulo, movimentando cerca de R$ 5 bilhões por ano na cidade a partir de 2024.

Reprodução/GL events
Projeto de uma das áreas do Distrito Anhembi, na Zona Norte de São Paulo
Projeto de uma das áreas do Distrito Anhembi, na Zona Norte de São Paulo
Para isso, será investido mais de R$ 1 bilhão na ampliação e modernização do espaço, que passará a contar com uma arena multiuso e um centro de convenções, entre outros equipamentos.

A multinacional francesa, que venceu a licitação do equipamento no valor de R$ 53.740.236, será responsável pela gestão, manutenção e exploração comercial. A homologação para a gestão do espaço faz parte da ação conduzida pela Secretaria do Governo Municipal com a SP Parcerias, responsável por estruturar e desenvolver projetos de concessão, privatização e parcerias público-privadas para viabilizar a consecução do Plano Municipal de Desestatização (PMD) e do Programa Municipal de Parcerias Público-Privadas.

Com um plano de investimentos superior a R$ 1 bilhão nos próximos cinco anos, a GL events transformará o local em um complexo de entretenimento para congressos, conferência, convenções, eventos culturais e esportivos, festivais e feiras, além de fomentar o desenvolvimento da Zona Norte da capital paulista. A meta da empresa é reinserir o Anhembi no circuito nacional e internacional de eventos.

“O Complexo Anhembi é um dos grandes marcos de São Paulo e que em seus 50 anos de história foi palco para grandes eventos que o tornou conhecido mundialmente. Nossa missão será devolver seu protagonismo com a união do que podemos oferecer de melhor em eventos, seja de negócios ou de entretenimento, além de aproveitar todo o potencial construtivo do local, desenvolvendo a região de forma planejada, atendendo a demandas, carências e desejos da população local”, afirma a CEO da GL events no Brasil, Milena Palumbo.

ESTRUTURAS
Arena multiuso e complexo audiovisual – A GL events desenvolveu estudo de vocação mercadológica e seu projeto acompanhará o crescimento sustentável da cidade. Além das melhorias previstas no edital, a companhia vai investir para que o espaço atraia novos negócios e serviços que complementem a experiência do visitante e o apoie o desenvolvimento da Zona Norte.

A concessionária vai requalificar, modernizar e ampliar os espaços para eventos já existentes, como o Centro de Convenções, Conferências e Congressos, que será ampliado e qualificado para suprir uma importante carência da cidade. O novo equipamento terá capacidade para até 15 mil pessoas.

Ao lado do Sambódromo – que durante o Carnaval será gerido pela SPTuris –, será construída uma Arena Multiuso para shows, eventos esportivos, sociais e corporativos. Em uma área com 50 mil metros quadrados, a arena comportará até 20 mil pessoas.

O masterplan contempla ainda hotel, edifícios com vocações corporativas e de uso misto, coworking e inovação, hospital, centros comerciais e de logística. O Anhembi, que ocupa uma área de 382,5 mil metros quadrados, ganhará também um complexo audiovisual que oferecerá estúdios para filmes, streaming, publicidade e games.

As obras deverão iniciar a partir do segundo trimestre de 2022 para que seja possível cumprir etapas de autorizações até lá – projetos básicos e executivos, licenciamentos, alvarás de obras etc. Pela experiência do grupo, a previsão é de que, a partir do segundo trimestre de 2024, o Centro de Convenções e o Pavilhão de Exposição sejam reinaugurados, assim como a Arena Multiuso.

O vídeo da apresentação do projeto do Distrito Anhembi pode ser conferido logo abaixo.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA