Alagev divulga manifesto e sugere as "boas práticas da crise"

|

A Alagev preparou um manifesto sobre as boas práticas do mercado em um momento tão delicado que o mundo, a sociedade, economia e todos os setores estão passando, diante da pandemia do novo coronavírus. Assinado pelo presidente da entidade, Rodrigo Cezar, pelo diretor executivo, Eduardo Murad, e pela gerente executiva, Giovana Jannuzzelli, material traz mensagens de apoio e resiliência. Confira na íntegra:

Emerson Souza
Rodrigo Cezar, Giovana Jannuzzelli e Eduardo Murad, da Alagev
Rodrigo Cezar, Giovana Jannuzzelli e Eduardo Murad, da Alagev
"Nossa primeira mensagem é: estamos com você! Seguimos realizando reuniões, ouvindo o mercado, debatendo e buscando caminhos viáveis. Sabemos que o cenário é adverso e exige mais do que readaptação. Exige resiliência.

Mas é tempo, também, de nos unirmos, olharmos o nosso mercado e a nossa cadeia e nos transformarmos em agentes de mudança. Para isso, precisamos criar protocolos que sejam, de imediato, colocados em prática.

  • Não cancele! Remarque! Viagens, hospedagens, locação, transfers, eventos, entretenimento, entre outros.
  • Não peça reembolso! Guarde o crédito para uma viagem futura.
  • Não envie comunicados por e-mail informando o não pagamento aos fornecedores. Seja empático e negocie todos os contratos, sempre considerando que os dois lados estão sendo impactados nesse momento. Empatia!
  • Não ameace o parceiro de negócios por meio de cláusulas de contratos e sem que esteja aberto ao diálogo.
  • Flexibilize os prazos de pagamentos! Aquele prazo de 60 ou 120 dias só vai aumentar o prejuízo da cadeia.
  • Pense nos grandes e nos pequenos! Avalie sobre qual deles o impacto do seu negócio é maior. Olhe a cadeia inteira – TODOS – os elos: da companhia aérea, ao hotel ou centro de eventos, até o freelancer, produtor.
  • Sabe quando falávamos de negociações inteligentes? De novos formatos de contratação? Essa é a hora… esteja aberto ao novo! A novos modelos de negócios que sejam bons para todas as partes envolvidas.
  • Se comunique! Mostre o que sua empresa está fazendo. É hora de compartilhar as boas práticas! Sua ideia pode ajudar outro player da indústria, mesmo que não seja do mesmo segmento.
  • Conteúdo rico é o que precisamos! Não faça por fazer. Não faça por likes! Faça por empatia, pelo outro, pela comunidade
  • Colaboração. Nessa hora a cadeia está em jogo. Baixe a guarda e se abra para falar com os concorrentes e, por que não, uma parceria para juntos saírem da crise?
  • Estamos todos anestesiados nesse momento, mas não deixe de pensar estrategicamente! Crie ou participe de comitês de crise e de recuperação

Se faz necessário uma reavaliação de todos os lados. A prevenção e a contenção do novo coronavírus é uma realidade dura e indispensável. Mas cabe a nós minimizarmos os desdobramentos negativos que a pandemia ainda trará.

A tomada de decisão deve ser consciente e sábia. Só assim, quando a pandemia passar, o mercado terá condições estruturais de voltar a operar com alta demanda e vigor.

Conte conosco! Estamos atentos e buscando caminhos conciliatórios para que nosso segmento se mantenha firme e saudável."


O Portal PANROTAS criou um link que reúne todas as notícias positivas (dicas, bons exemplos, sinais de recuperação, bem-estar, etc), divulgadas em meio à pandemia do novo coronavírus. Leia no bit.ly/turismopositivas as principais publicadas até agora. E não deixe de compartilhar. #SomosTodosTurismo
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA