AEROPORTOS

Infraero volta atrás e adia obras na pista do Santos Dumont

A Infraero anunciou nesta segunda-feira (24) que as obras na pista principal do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, foram adiadas. Segundo a estatal, a decisão foi tomada logo após a Anac proibir a operação de aviões turbo jato na pista auxiliar do terminal carioca, durante o período de reformas, que antes estava programado para acontecer entre 12 de agosto e 12 de setembro.

Divulgação/Infraero
Reforma segue sem previsão para acontecer
Reforma segue sem previsão para acontecer

“Tendo em vista os impactos para os mais de 770 mil passageiros que passam por mês pelo terminal carioca e eventuais repercussões para concessionários de áreas e lojistas; com foco na segurança e conforto dos passageiros, a Infraero retira o Notam de fechamento da pista principal do aeroporto Santos Dumont. Assim, as obras na pista principal serão postergadas até que as adequações exigidas pela Anac sejam finalizadas na pista auxiliar. Isso permitirá operações na pista auxiliar para aeronaves tipo 3C (ex: Boeing 737-700, Airbus A318 e Embraer E-190), conforme homologação hoje vigente”, diz o comunicado da Infraero.

Atualmente a pista auxiliar do Santos Dumont está homologada para operar aeronaves até a categoria 3C, tais como Embraer E-195, Airbus A318 e Boeing 737-700. Sendo assim, estariam proibidos os voos operados com Airbus 319 da Latam e Boeing 737-800 da Gol, os dois equipamentos mais utilizados naquele terminal atualmente pelas duas líderes de mercado.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA