Aeroporto de Natal terá 312 voos extras em janeiro

|

Divulgação
O Aeroporto de Natal deverá movimentar cerca de 220 mil passageiros no primeiro mês de 2021. Estão previstos aproximadamente 1.500 pousos e decolagens, destes 312 são extras para atender a demanda do período. Segundo pesquisa do Ministério do Turismo realizada com agências e organizações de viagens, Natal é o destino mais procurado por pessoas que desejam viajar, apesar de a ABIH local negar a afirmativa.

Para a secretária de Turismo do Rio Grande do Norte, Ana Maria Costa, esse resultado reforça o apoio das iniciativas de planejamento e ação do Governo do Estado para o retorno das atividades turísticas. “A atividade turística é um pilar importante da nossa economia, e representou um grande desafio no contexto da pandemia. Agimos desde o início para nos tornarmos um destino seguro, adotamos todos os protocolos de biossegurança, fechando quando foi preciso e agora o nosso compromisso é com a reabertura gradual e responsável”, afirmou.

A previsão da Inframerica, concessionária que administra o aeroporto, é atingir neste mês 81,2% do fluxo pré-covid. “Janeiro e fevereiro são meses importantes para o Turismo que move a economia da região, e, aos poucos estamos retomando o movimento do terminal. Este retorno está sendo cauteloso, com parcimônia e as companhias aéreas estão retomando os voos e as rotas para Natal sempre atentas aos protocolos sanitários”, explicou o diretor de Negócios Aéreos da Inframerica, Roberto Luiz.

Atualmente o Aeroporto de Natal está com 49 voos diários para os principais aeroportos do Brasil. Para o mês de janeiro, as cidades de Belo Horizonte (MG) e São Paulo - Congonhas (SP) começam a fazer voos diretos para a capital potiguar. Em dezembro foram incluídos na malha aérea os voos de Goiânia, Ribeirão Preto e Uberlândia, para atender a demanda da estação.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA