Airbus deixa de fabricar o A380, o maior avião do mundo

|


Divulgação
A Airbus anunciou hoje que vai parar de produzir o A380, o maior avião de passageiros do mundo. A última entrega do modelo será em 2021, para a Emirates. O anúncio vem no mesmo momento em que a aérea opta por reduzir um pedido de 39 unidades do A380, substituindo a encomenda por outra de 40 A330neo e 30 A350.

Leia também:
Compra bilionária da Emirates "salva" produção do A380

“Não temos uma carteira de pedidos que sustente a produção, apesar de todos os nossos esforços de vendas com outras companhias aéreas nos últimos anos”, disse o diretor executivo da Airbus, Tom Enders. “As conseqüências dessa decisão estão amplamente incorporadas em nossos resultados do ano de 2018”, completou.

Divulgação

"O A380 não é apenas uma conquista industrial e de engenharia excepcional. Os passageiros de todo o mundo adoram voar nesta grande aeronave. Por isso, o anúncio de hoje é doloroso para nós e para as comunidades do A380 em todo o mundo. Mas, lembre-se de que os A380 ainda vagarão pelos céus por muitos anos e a Airbus, é claro, continuará apoiando totalmente as operadoras do A380 ”, acrescentou Enders.

Nas próximas semanas, a fabricante francesa iniciará discussões com sindicatos de funcionários para discutir sobre os 3.000 a 3.500 empregos que serão impactados com o fim da produção do A380,
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA