EMPRESAS

Iata suspende emissões da Avianca Brasil

A Associação Internacional do Transporte Aéreo (Iata) emitiu há pouco um comunicado suspendendo a comercialização de passagens aéreas da Avianca Brasil (O6 247).

Divulgação/Avianca

No texto, a associação pede que os agentes de viagens do BSP suspendam imediatamente as atividades de emissão de bilhetes em nome da companhia, incluindo o uso de quaisquer sistemas automatizados de processamento de reembolsos.

A Iata orienta ainda que os agentes de viagens liquidem todas as contas em aberto, incluindo vendas pendentes e reclamações de reembolso, assim como quaisquer transações futuras, diretamente com a equipe comercial da Avianca Brasil.

Veja abaixo o comunicado da Iata na íntegra:

"A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata - International Air Transport Association) confirma que suspendeu a companhia aérea brasileira Ocean Air, que opera como Avianca Brasil (O6/247), do Bank Settlement Plan (BSP) da Iata no dia 14 de maio de 2019.

Isto ocorreu logo após a Ocean Air ter sido suspensa da Iata Clearing House (ICH) no dia 8 de maio de 2019.

As duas decisões foram tomadas com base nos regulamentos do BSP e da ICH, após a não liquidação dos valores pendentes.

BSP
O BSP é um sistema desenvolvido para facilitar e simplificar os procedimentos de vendas, elaboração de relatórios e remessas dos agentes de vendas a passageiros credenciados da Iata, e melhorar o controle financeiro e o fluxo de caixa da BSP Airlines.

O BSP é um sistema global, com operações em cerca de 180 países e territórios. Atualmente, o sistema atende a mais de 370 companhias aéreas participantes, com a taxa de liquidação sem atraso de 99,999%.

Em 2017, o BSP da Iata processou US$ 236,3 bilhões.

ICH
A ICH fornece serviços de faturamento e liquidação rápidos, seguros e de baixo custo em várias moedas para o setor de transporte aéreo.

Além disso, permite que companhias aéreas do mundo todo e seus fornecedores associados paguem suas contas relacionadas ao transporte de passageiros, cargas, UATP e outras não relacionadas a transporte utilizando os sistemas set-off/netting, reduzindo assim os custos e riscos e aumentando a velocidade dos processos.

A ICH também oferece um sistema de disputa de contas e proteção em caso de inadimplência, falência e interrupção de operações.

Seu faturamento anual é de aproximadamente US$ 56 bilhões, com a taxa de liquidação de 100%. Nos últimos 3 anos, seus serviços foram fornecidos a mais de 430 associados.
"

Atualizado às 19h42
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA