EMPRESAS

Azul terá 70 voos extras durante megaeventos; confira


Divulgação
Companhia vai aumentar oferta de assentos
Companhia vai aumentar oferta de assentos
A Azul terá 70 frequências adicionais durante o Festival Sairé, Rock in Rio, Oktoberfest e Círio de Nazaré, que acontecerão no segundo semestre, com 8.708 assentos extras. Rio de Janeiro, São Paulo, Pará, Minas Gerais e Santa Catarina receberão as operações adicionais. Os voos já estão sendo comercializados nos canais de venda.

“Estamos sempre atentos às necessidades dos nossos clientes e, por isso, anunciamos esses novos mercados em cidades do Nordeste, Sudeste e Sul do País. As novas rotas vão deixar a nossa malha, que já é a maior e mais extensa do Brasil, ainda mais conectada”, afirma o vice-presidente de Receitas da Azul, Abhi Shah.

CALENDÁRIO
Evento mais próximo, o Festival de Sairé será realizado entre os dias 19 e 23 de setembro, em Santarém (PA). Quem for para a festa, que conta com celebrações e danças folclóricas, poderá embarcar com a Azul em uma aeronave com mais assentos, o A320neo, com capacidade para até 174 clientes. Ao todo, a companhia disponibilizará 450 assentos a mais entre Belém e Santarém.

Uma semana depois, começará o Rock in Rio. Entre 27 de setembro e 7 de outubro, a Azul ofertará 34 voos extras de e para os aeroportos Santos Dumont e Galeão. Os aeroportos de Guarulhos, Campinas, Congonhas e Confins serão as cidades que contarão com maior oferta para o Rio, com destaque para o mercado inédito Congonhas-Galeão.

Durante a Oktoberfest, Campinas-Navegantes e Porto Alegre-Navegantes serão os mercados com mais operações da Azul. O festival de cerveja terá cerca de 24 voos a mais, entre 11 e 27 de outubro, com as aeronaves da Embraer, que têm capacidade para até 118 assentos, na versão de poltronas 2x2, com televisão ao vivo.

O Círio de Nazaré, que reúne cerca de três milhões de fiéis católicos no Pará, também está na lista dos voos adicionais da companhia. De 11 a 14 de outubro, a Azul terá 12 frequências extras nas ligações entre Belém-São Luís, Belém-Manaus, Belém-Marabá, Belém-Macapá, além de aumentar a oferta de assentos na rota Belém-Santarém.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA