Azul também transporta de graça profissionais no combate à covid-19

|


O programa é válido para voos domésticos até 30 de abril
O programa é válido para voos domésticos até 30 de abril
A Azul vai permitir que médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos e nutricionistas que precisarem viajar para trabalhar no combate ao covid-19 possam utilizar os assentos disponíveis em voos da companhia pagando apenas a taxa de embarque. A medida, que também foi tomada por Gol e Latam, é válida para voos domésticos de 23 de março a 30 de abril de 2020.

“Nosso setor se uniu para apoiar todos os profissionais da área médica que estão à frente do tratamento dos pacientes com a Covid-19. Essa é a forma que encontramos para trazer mais esperança para a população na luta contra a pandemia do coronavírus”, afirma a diretora de Marketing e Comunicação da Azul, Claudia Fernandes.

O profissional de saúde que quiser usufruir do programa deve comparecer no dia da viagem a uma das lojas da Azul com no mínimo duas horas de antecedência do embarque. Para participar, é necessário apresentar a carteira de identificação oficial do Conselho Regional competente e a declaração por escrito comprovando que o motivo da viagem se dá pelo cuidado a pessoas enfermas contaminadas ou suspeitas de contaminação pelo covid-19.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA