KLM suspende voos do Brasil para Holanda a partir de sábado

|

Divulgação
O governo holandês anunciou ontem (20) nova regulamentação para entrada no país. Por causa disso, a KLM está cancelando voos com partida de vários destinos tanto na Europa quanto de longa distância, incluindo o Brasil, a partir de 23 de janeiro. No entanto, os voos da KLM de Amsterdã com destino ao Brasil continuarão acontecendo.

A Holanda anunciou que vai exigir que todos os viajantes, de todos os países, apresentem um resultado negativo de teste de antígeno (teste rápido) e um resultado de PCR negativo antes de ingressar no país. Portanto, quem desejar entra no país precisa fazer os dois testes (rápido e o PCR), sendo que primeiro deve ser realizado em até três horas antes do voo.

Leia na íntegra o comunicado da KLM:
Desde 23 de janeiro, o governo holandês colocou em prática uma proibição de viagens de passageiros de alguns países considerados de risco por causa do COVID-19. O Brasil está incluído nessa lista e os voos de São Paulo e Rio de Janeiro para Amsterdã não transportam passageiros até que a proibição de viagens termine ou novas regras sejam impostas pelas autoridades holandesas.

Os voos de Amsterdã para São Paulo e Rio de Janeiro continuarão operando com passageiros. As operações de carga são mantidas em ambas direções. Manter esta parte da operação na região só foi possível após consultas construtivas com o Instituto Nacional Holandês de Saúde Pública e Meio Ambiente (RIVM). A KLM desenvolveu um protocolo de teste alternativo seguro para tripulações que deixam o aeroporto em países que não fazem parte da lista governamental de países seguros, como o Brasil.

A KLM está fazendo o possível para reduzir o transtorno aos passageiros. Os clientes com reservas nos voos impactados pela proibição de viagens serão reacomodados sempre que possível na Air France ou outras companhias aéreas. Veja abaixo todos os canais de contato da KLM para clientes.

A KLM reforça que manter as operações de voo de forma segura e responsável é e continua sendo a prioridade da empresa, também desde o surto de COVID-19 no início de 2020. Isso tem permitido à empresa manter viagens essenciais, repatriação e transporte de cargas necessárias. Além disso, a KLM tomou várias medidas a bordo, como filtros HEPA, máscaras faciais e ajuste do serviço a bordo. A segurança e a saúde dos clientes e funcionários têm a maior prioridade para a KLM. A companhia também deseja continuar a contribuir para a luta contra a pandemia COVID-19. Para tal, continuam necessárias consultas sobre medidas adequadas, eficazes e viáveis para a aviação, tendo em conta os acordos internacionais.

Como entrar em contato com a KLM no Brasil

Para consultar voos, o cliente pode acessar o site da empresa klm.com.br, na seção “Minha Viagem”. Para obter mais informações, eles devem entrar em contato com a KLM por meio dos canais abaixo. Se a reserva foi feita por meio de uma agência de viagens, os clientes precisam entrar em contato com o agente.

· Envie uma mensagem de texto para KLM via WhatsApp (24/7) para tel. +31206490787

· Entre em contato com a KLM (24/7) via Facebook

· Entre em contato com a KLM (24/7) via Twitter

· Central de Atendimento ao Cliente KLM: +55 11 38788363

o Segunda a sexta, das 8h às 20h

o Sábados e domingos, das 9h às 17h

· E-mail temporário do serviço de emergência – mail.invol@klm.com.



A política de remarcação flexível da KLM ainda está em vigor. Para obter detalhes completos, consulte o site da KLM.

ATUALIZADA EM 27/11/2021
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA