Latam ainda estuda se voo para Noronha (PE) será direto ou com parada

|


Divulgação
Jerome Cadier, CEO da Latam Brasil
Jerome Cadier, CEO da Latam Brasil
A Latam Brasil já conseguiu a aprovação para operar entre São Paulo e Fernando de Noronha, em Pernambuco, com previsão de início para o primeiro semestre ainda. O CEO da empresa, Jerome Cadier, adiantou ao Portal PANROTAS, no entanto, que a companhia ainda está estudando se o voo será direto para Noronha, já que com a inauguração do posto de abastecimento isso se tornou possível, ou com uma parada em Recife, com direito a stopover.

“Começaríamos antes (a voar), mas não temos avião agora. Como esperamos a aprovação por seis meses, o avião que operaria Noronha está indo para os novos destinos que abrimos”, explicou. A Latam será a terceira companhia a operar em Noronha, fazendo companhia a Azul e Gol.

Segundo Cadier, a Latam vai chegar a 56 destinos ainda no primeiro semestre (contra 49 em 2021 e 44 em 2019) e estuda outros dez destinos para o segundo semestre. “Nem todos vão sair ainda este ano, claro, pois tudo depende da análise econômica”, completou. Mas a companhia deve fechar 2022 com 60 destinos ou mais.

Com a frota atual de Airbus a companhia conseguiria chegar a 70 aeroportos. Para os demais, precisaria de aeronaves menores, em parceria com outras empresas. Há conversas em andamento com a VoePass.

Ainda segundo Jerome Cadier, a Latam pós-pandemia continua olhando para os viajantes corporativos e híbridos, mas está uma companhia mais doméstica, com reforço nas rotas de lazer, que conseguiram sair do papel por conta do aquecimento do segmento e pelo trabalho de redução de custo feito durante os dois últimos anos.

LEIA MAIS SOBRE OS PLANOS DA LATAM AQUI
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA