Pandemia acelera transformação digital da Latam e da Gol

|


Edmar Bulla (Grupo Croma), Sabrina Salgado (Latam) e Loraine Ricino (Gol)
Edmar Bulla (Grupo Croma), Sabrina Salgado (Latam) e Loraine Ricino (Gol)


Sabrina Salgado e Loraine Ricino, head de Marketing na Latam Brasil e diretora de Marketing da Gol, respectivamente, foram as convidadas da web série “Perspectivas”, que hoje (quarta-feira, dia 26) debateu a inovação no setor da aviação. O programa é uma iniciativa da Associação Brasileira de Anunciantes (ABA) e do Grupo Croma.

Durante a live, Sabrina Salgado revelou que a Latam prepara uma transformação digital que vai ressignificar a relação do cliente com a companhia. A previsão é de que esse lançamento ocorra em até 60 dias. “A pandemia nos fez otimizar os avanços que já tínhamos programado, mas que demorariam um pouco mais para entrar em operação. Com a pandemia, toda a coreografia de movimentação no aeroporto, embarque e desembarque foi mudada. Para isso, lançaremos em até dois meses um grande projeto de digital que demoraria no mínimo 18 meses para sair do papel”, disse.

Para Loraine, o grande aprendizado do atual cenário está ligado a educação dos clientes. “Temos que deixar de achar que determinado assunto é básico. Na verdade, ele até pode ser básico, mas para quem está dentro da companhia ou quem tem familiaridade com o assunto. Para um passageiro de primeira viagem com certeza não será”, afrima.“O filtro Hepa, que é algo que sempre existiu na indústria da aviação, mas que só está sendo dilvulgado agora. Ninguém falava disso antes da pandemia”, relembrou a executiva.

Sabrina e Loraine também afirmaram que a mensagem do momento é mostrar o quão seguro é viajar de avião durante a pandemia. “Nosso papel é esclarecer as dúvidas das pessoas. É importante que todos tenham consciência das medidas de segurança que a aviação sempre teve”, ponderou a executiva da Latam.

Uma das lições tiradas por Loraine é a capacidade infinita de criar que a indústria e a Gol tiveram nesse momento. “Inovar vai muito além de inovação tecnológica. Podemos inovar em produtos já existentes, na entrega de serviços, no relacionamento com os nossos clientes. Estamos prontos para voltar a receber todos a bordo.”
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA