Embraer assina contrato de serviços com a Alliance Airlines

|

A Embraer assinou um contrato de serviços de longa duração com a Alliance Airlines para fornecer suporte à frota de jatos E190 da companhia aérea. Por meio do portfólio de soluções da Embraer Serviços & Suporte, o acordo cobre mais de 300 componentes reparáveis e inclui tanto materiais quanto serviços de administração técnica, com apoio das instalações da fabricante na Ásia Pacífico, em Singapura.

Divulgação
A Alliance adquiriu uma frota de 32 jatos E190, sendo que 12 dessas aeronaves estão atualmente na Austrália
A Alliance adquiriu uma frota de 32 jatos E190, sendo que 12 dessas aeronaves estão atualmente na Austrália
“A Alliance tem liderança mundial em pontualidade e desempenho operacional, atributos-chave procurados por nossos clientes na Austrália e em toda a região. O Programa de Serviços de Gerenciamento de Reparos que temos com a Embraer aumentará o desempenho de nossa frota e fortalecerá nossos negócios à medida que crescemos”, disse o CEO da aérea, Lee Schofield.

A Alliance adquiriu uma frota de 32 jatos E190, sendo que 12 dessas aeronaves estão atualmente na Austrália com as 20 restantes programadas para entrar em operação nos próximos 12 meses.

“Estamos satisfeitos com essa parceria com a Alliance Airlines em um momento tão crucial”, afirmou o presidente e CEO da Embraer Serviços e Suporte, Johann Bordais. “A Alliance Airlines aumentou rapidamente sua frota de E-Jets, o que provou ser fundamental à medida que aviação doméstica cresce na Austrália. Este contrato de serviços permitirá que a Alliance garanta a disponibilidade de sua frota com soluções eficazes, eficientes e competitivas”, completou.

PROJETOS EMBRAER
Entre as 50 marcas mais valiosas do Brasil, segundo o ranking Brand Finance Brasil 50, a Embraer tem aumentado seus projetos e investimentos numa operações mais sustentável. No mês passado, a empresa anunciou novas metas de ESG, incluindo um compromisso com operações neutras em carbono até 2040, e também tem um projeto de aviões elétricos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA