Natal do Ibirapuera (SP) terá como tema a fauna e flora do parque

|


Divulgação/Innova AATB
O Natal no Parque também terá árvores natalinas, mensagens de esperança e conteúdo interativo
O Natal no Parque também terá árvores natalinas, mensagens de esperança e conteúdo interativo
A Urbia, responsável pela administração do Parque Ibirapuera, traz de volta o Natal do Parque, dando sequência à fábula focada na fauna e flora na decoração natalina neste ano. Com previsão de início para o dia 4 de dezembro, a edição de 2021 "Natal no Parque Ibirapuera: a festa da natureza", tem como proposta dar uma nova vida aos bichos, insetos e flores existentes no parque, por meio de uma história voltada para a importância da conservação ambiental. O intuito é ampliar o conhecimento dos frequentadores sobre a temática.

Entre algumas das novidades previstas para este ano, a projeção holográfica na fonte do lago, cria efeitos que simulam animais e objetos que poderão ser visualizados de dentro do parque, em qualquer ponto da grande margem de um quilômetro e meio. O objetivo é evitar aglomerações por conta da pandemia da covid-19.

"Em diversos pontos do parque, incluiremos decorações que trazem um conteúdo interativo. Para isso, serão instalados QR Codes nas peças expostas e, ao direcionar a câmera do celular, o visitante terá acesso à fábula de aventura encantada que retrata, de forma lúdica, a fauna e flora do parque", afirma o diretor da Urbia, Samuel Llyod.

A celebração também contará com um circuito formado por árvores natalinas que ficarão expostas ao redor do lago, e completam a decoração se tornando elementos presentes no show de luzes.

Mensagens de esperança e de positividade ficarão expostas em diferentes pontos do Ibirapuera. Outro diferencial será a possibilidade de alterar a cor da iluminação das palavras, por meio de um aplicativo, antes de tirar uma foto em frente aos painéis. Posteriormente, os registros poderão ser enviados para a organização do evento para serem projetados por uma noite na fonte do lago.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA