INAUGURAÇÕES

Com inovação e tecnologia, Accor apresenta o 'quarto do futuro'

Emerson Souza
Erwan Le Goff, Paulo Mancio e Patrick Mendes
Erwan Le Goff, Paulo Mancio e Patrick Mendes

Tecnologia e inovação são as palavras que conceituam a proposta disruptiva do quarto do futuro da Accor Hotels. O protótipo, que já vem sendo aberto em diferentes empreendimentos da rede, chega agora ao Pullman São Paulo Vila Olímpia, na capital paulista, e poderá ser estendido a outros hotéis.

A ideia de investir nesse tipo de quarto, segundo o CEO da Accor Hotels para a América do Sul, Patrick Mendes, é de concretizar um movimento dos turistas mundiais, que demandam por experiências que vão além de um quarto tradicional. “Antigamente, a proposta dos hotéis era de oferecer inovações que os hóspedes não teriam em suas casas. Hoje, quando pensamos em aparatos tecnológicos, é difícil competir, porém a Accor está retomando esse movimento”, afirma.

Denominado como #360Room, o quarto foi projetado pela equipe de design da rede, junto com parceiros, como a LG. Com uma TV de led de 65 polegadas, projetor e home theater, com apenas um clique, a cama pode ser rotacionada em até 360 graus. Além disso, outra facilidade é o Steam Styler, aparelho que seca e passa as roupas com vapor, localizado no banheiro.

Emerson Souza
“Iniciamos a reforma do quarto em março e, dado o forte apelo que esta unidade do Pullman tem com o público corporativo, seguimos uma proposta de tecnologia e inovação. Mas acreditamos que o quarto será muito bem recebido por famílias e casais”, pontuou o o vice-presidente sênior de Design e Implantação da Accor na América do Sul, Paulo Mancio.

Segundo ele, outros quartos disruptivos poderão ser lançados pela rede em outras unidades e com diversos temas. “Estamos abertos a novas parcerias para a criação de quartos temáticos, mantendo sempre proposta de oferecer um quarto ‘fora da caixa’ aos nossos hóspedes.”

MAIS TECNOLOGIA
Como se ter todos os comandos do quarto a distância de um clique no tablet fosse pouco, a Accor ainda estuda implementar comandos de voz. “É algo que pensamos para o longo prazo. Porém tudo ainda depende das tecnologias já existentes no mercado — como a inteligência artificial e chatbots — e de como poderemos aplicá-las nas demandas dos hóspedes e recursos disponíveis no quarto”, destaca o vice-presidente de Tecnologia da Informação Accor Hotels da América do Sul, Erwan Le Goff.

Atualmente, o empreendimento conta com o recurso de reconhecimento facial em fase de testes. O novo sistema promete melhorar a forma de atendimento aos hóspedes. Segundo a rede, as inovações em tecnologia oferecem mais personalização e são ferramentas importantes para liderança de mercado. Le Goff pontua que, com essas novidades, será possível oferecer atendimento diferenciado aos membros do programa de fidelidade Le Club.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora