Taxa de ocupação hoteleira cresce 11,1% em janeiro

|

Pixabay
Todas as regiões do Brasil tiveram alta na taxa de ocupação
Todas as regiões do Brasil tiveram alta na taxa de ocupação
A hotelaria brasileira alcançou bons números no mês de janeiro, em comparação ao mesmo período do ano passado. De acordo com dados do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (Fohb), houve acréscimo de 11,1% na taxa de ocupação e 9,6% no Revpar, mesmo com a queda de 1,3% na diária média. A análise conta com amostra de 437 hotéis de redes associadas, que são responsáveis pela oferta de 66,5 mil unidades habitacionais (UHs).

Já a taxa de ocupação teve alta em todas as regiões do Brasil, sendo 9,2% no Sul, 10,2% no Nordeste, 10,7% no Centro-Oeste, 11,5% no Sudeste e 24,8% no Norte. Na análise da diária média, foi registrado aumento apenas no Nordeste, com 1,6%, enquanto o número caiu 1% no Sudeste, 2,2% no Sul, 2,6% no Centro-Oeste e 9% no Norte.

O Revpar também revelou acréscimos em todas as regiões do país com 6,9% no Sul, 7,8% no Centro-Oeste, 10,4% no Sudeste, 11,9% no Nordeste e 13,6% no Norte. Sobre o desempenho por categoria hoteleira, a taxa de ocupação teve alta nos três segmentos: 8,8% no Econômico, 15,6% no Midscale e 5,4% no Upscale.

Dessa maneira, a diária média apresentou acréscimos de 0,4% no Econômico e 0,9% no Upscale, mas uma queda de 3,3% no Midscale. Já em relação ao Revpar, também houve incrementos nos três segmentos: 9,2% no Econômico, 11,8% no Midscale e 6,4% no Upscale.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA