MERCADO

Fohb prevê alta em volume de negócios na hotelaria

Filip Calixto
Orlando de Souza e Alexandre Gehlen, presidente executivo e presidente do Conselho do Fohb, respectivamente
Orlando de Souza e Alexandre Gehlen, presidente executivo e presidente do Conselho do Fohb, respectivamente
Anfitrião do evento que reuniu hoje boa parte dos executivos da hotelaria de rede do Brasil, o Fohb demonstra confiança para os últimos meses de 2019. De acordo com o presidente executivo da entidade, Orlando de Souza, a performance econômica da hotelaria no País tende a fechar o ano com crescimento de 11% sobre o verificado no ano passado.

A alta esperada será resultado, segundo Souza, de uma combinação entre estabilização no desempenho do mercado e retomada econômica do País. "Este ano estamos notando a confirmação de uma melhora que começou ainda em 2018. Isso dá consistência à evolução do setor", pondera.

De acordo com o presidente executivo, os índices de ocupação estão satisfatórios e agora a necessidade dos meios de hospedagem é trabalhar para elevar a diária média, que há anos não tem elevação superior à inflação.

O desempenho do mercado foi analisado por Souza durante a edição 2019 do Fórum Nacional da Hotelaria, que teve participação superior ao estimado previamente. "A quantidade de convidados superou nossas expectativas e o engajamento dos participantes também", analisa o dirigente. "Queremos que esse seja conhecido como um evento de conteúdo direcionado para todo o mercado de hotéis do Brasil", complementa.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA