Natal teve ocupação média de 81,68% em janeiro

|


José Odécio, presidente da ABIH-RN
José Odécio, presidente da ABIH-RN

Levantamento realizado pela ABIH-RN revela que a ocupação média dos hotéis de Natal em janeiro foi de 81,68%. Em 2019 a ocupação, no mesmo período, foi de 80,06%. O aumento é discreto: quase dois pontos percentuais. Já a Pipa registrou ocupação média de 82,71% em janeiro de 2020, contra 81,25% em 2019. São Miguel do Gostoso, Extremoz (Jenipabu) e Mossoró apresentaram taxas de 69,31%, 62,66% e 58,58%, respectivamente. Desses, só Mossoró teve aumento na ocupação, se comparando com janeiro de 2019, quando registrou 52,59%.

“A hotelaria, como um todo, estava bastante apreensiva com essa ocupação de janeiro, mas felizmente tivemos um pequeno aumento na ocupação, resultado do trabalho de promoção que fizemos ao longo do ano passado. Há de se registrar também a redução do ICMS do QAV, o que permitiu uma maior oferta de voos", destaca José Odécio, presidente da ABIH-RN.

Mas há alguns entraves nas promoções realizadas pela hotelaria e na estrutura urbana da capital potiguar, segundo Odécio. "As promoções que alguns hotéis fizeram, reduzindo suas tarifas, nos preocupa, pois em mês de alta temporada reduzir tarifas não é um bom sinal. Já Natal precisa oferecer maior diversidade de produtos turísticos e melhorar sua orla urbana”, reclama o presidente da ABIH-RN.








 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA