Palladium detalha protocolos de saúde no complexo de Punta Cana

|


Divulgação
O Palladium Hotel Group retomou a operação no mês passado
O Palladium Hotel Group retomou a operação no mês passado
Reaberto no mês passado, o complexo de resorts do Palladium Hotel Group em Punta Cana, na República Dominicana, adotou uma série de protocolos para receber novamente os hóspedes. Para apresentar essa nova rotina e os detalhes atrelados a ela, a direção do empreendimento realizou hoje (15) uma reunião, percorrendo virtualmente o Grand Palladium Punta Cana Resort & Spa e o TRS Turquesa Hotel, além de dar um panorama de como estão as fronteiras dominicanas para viajantes estrangeiros.

O tour foi guiado por colaboradores dos resorts caribenhos e as informações sobre a situação da entrada de turistas naquele país abordada pelo coordenador de Promoção Turística do escritório de Turismo da República Dominicana no Brasil, George Rodrigues.

DA RECEPÇÃO AO APARTAMENTO
Os novos protocolos mediaram a apresentação dos hotéis, que começou na recepção, passou por restaurantes e áreas de lazer e terminou nos quartos.

Os representantes do hotel enfatizaram que há agora colaboradores ainda mais preparados para ajudar em todos momentos e novas regras de convivência estão em vigor. Entre elas estão algumas essenciais para o momento como distanciamentos apontado por sinalização em todo o hotel, necessidade de agendamento para algumas refeições, recomendação para limpeza de mãos, utilização de máscaras em todos os ambientes e serviços agendados.

Nos quartos, existe um trabalho de limpeza mais profundo e feito sempre entre a saída e entrada de diferentes hóspedes. Depois da limpeza feita, o apartamento é isolado até que um novo hóspede chegue.

SEGURO COVID-19
A apresentação também destacou uma novidade. Todos os hóspedes que chegam ao hotel contam agora com um seguro saúde que cobre qualquer sintoma ou complicação de corrente da covid-19.

O seguro vale a partir do check-in, inclui consulta médica, teste e assistência médica durante toda a estadia.

ENTRADA NA REPÚBLICA DOMINICANA
Sobre a situação da fronteiras, George Rodrigues, do escritório de Turismo da República Dominicana no Brasil, informa que a entrada de estrangeiros já está autorizada, mesmo sem negativo de covid.

George Rodrigues, do escritório de Turismo da República Dominicana no Brasil, participou do tour virtual pelo Palladium
George Rodrigues, do escritório de Turismo da República Dominicana no Brasil, participou do tour virtual pelo Palladium
“Atualmente, o controle é feito com uma espécie de escolha aleatória de turistas que chegam tanto por mares como pelos nove aeroportos que temos”, revela Rodrigues. Esses passageiros, segundo conta o executivo, são selecionados para um teste que detecta o coronavírus via oral. Caso, o resultado seja positivo, o viajante é separado e precisa passar por um período de quarentena antes de seguir para seu hotel.

O dirigente lembra ainda que um documento indispensável continua sendo o comprovante de vacinação contra febre amarela, sem o qual não é possível nem entrar naquele país.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA