Conheça a solução do Sabre para hotéis venderem experiências

|

LAS VEGAS (ESTADOS UNIDOS) – Imagine poder aumentar a receita e vender experiências além de um simples quarto de hotel? Esta é a proposta do SynXis Intelligent Retailing, solução apresentada durante o Sabre Technology Exchange (STX) 2019, que agrega recursos de varejo em hospedagem entregando ofertas totalmente personalizadas e aderentes às necessidades dos clientes.

Beatrice Teizen
Brian Jorgenson, Justin Ricketts e Clinton Anderson, do Sabre Hospitality Solutions
Brian Jorgenson, Justin Ricketts e Clinton Anderson, do Sabre Hospitality Solutions
“Acredito que esta inovação que estamos trazendo ao mercado é o futuro da indústria de viagens. A habilidade de aumentar a receita dos hotéis, entendendo o perfil do consumidor, seu perfil de compras, seus dados, e trazer pacotes únicos e customizados vai prover não somente uma experiência única para o hóspede, como também lucro aos fornecedores”, afirma o presidente do Sabre Hospitality Solutions, Clinton Anderson.

Com as mudanças na indústria e na forma de consumir viagens, não há mais como pensar somente em reservar um quarto ou um assento em um avião. É preciso oferecer recomendações, algo que por meio do GDS pode ser um pouco difícil. Mas o Intelligent Retailing, ao combinar dados com recursos de inteligência artificial, como machine learning, é capaz de entregar experiências personalizadas e relevantes, criando ofertas customizadas com diferentes produtos.

Os planos para a plataforma, que está sendo utilizada em seu modelo piloto, é testá-la pelos próximos dois trimestres e lançá-la até 2020, em todos os mercados onde o Sabre tem conteúdo hoteleiro. O serviço estará disponível primeiro nos canais diretos, em seguida no GDS e depois será trabalhado nas OTAs – o que, inclusive, será uma escolha do próprio hotel querer o seu conteúdo exibido e distribuído amplamente ou mantê-lo apenas em seu próprio canal.

“A ferramenta é definida por seus participantes e não pela empresa desenvolvedora. Se o hotel tiver um novo atributo para vender, ele submete o pedido e em breve terá a opção no ar. Ela foi desenhada para que os hoteleiros definam seus novos produtos, para que eles a controlem, sem nenhuma intervenção do Sabre e nem de sua equipe de TI. Na nossa opinião, esta é uma inovação que trará receita em maneiras que nunca imaginamos antes”, explica o vice-presidente sênior de Engenharia de Software da unidade de hospitalidade, Justin Ricketts.

Muito se fala em ancillary – que atingiram quase US$ 100 bilhões em 2018 no campo das companhias aéreas – e as redes hoteleiras e hotéis independentes precisam aproveitar este momento. Por que não lucrar mais, vender mais, ao oferecer experiências que os viajantes realmente estejam procurando, de acordo com suas necessidades e perfil de viagem?

“Se eu viajo com a minha esposa à Paris no fim de semana, reservando apenas um quarto, com os dados disponíveis os hotéis podem me oferecer outros serviços, como pétalas de rosas, champanhe ou um pacote de massagem. Caso a viagem seja feita com o meu CEO, em apartamentos separados e apenas uma diária, eles saberão que não poderão me oferecer alternativas românticas, mas, sim, algo que eu realmente precise, como aumento de internet ou jantar em um restaurante da cidade, por exemplo. São informações muito básicas que os fornecedores possuem e que podem transformar a estada do hóspede, fazendo com que ele gaste mais”, exemplifica Anderson.

No fim das contas, entregando serviços únicos, combinados com flexibilidade e conteúdo relevante, os hotéis lucrarão mais e aumentarão suas receitas, os viajantes ficarão felizes e satisfeitos e o Sabre sairá na frente ao oferecer um marketplace diferenciado.


O Portal PANROTAS viaja a convite do Sabre
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA