5º maior emissor para a Copa, Brasil vende 711% mais passagens à Rússia

|

Divulgação Fifa/Getty Images
Alemanha lidera emissão de passageiros à Rússia, seguida por EUA, China, Espanha e Brasil
Alemanha lidera emissão de passageiros à Rússia, seguida por EUA, China, Espanha e Brasil
A Copa do Mundo realmente é um grande atrativo turístico, e quando se trata da relação entre o brasileiro e o futebol o potencial é ainda maior.

Números coletados junto às principais companhias aéreas do mundo e revelados pela Travelport, plataforma de distribuição voltada aos agentes de viagens, mostram que a quantidade de passageiros voando do Brasil à Rússia cresceu 711% durante a competição, em relação ao mesmo período do ano passado.

Apenas a Argentina (939%) teve um aumento no número de viajantes tão grande quando o Brasil. Na quantidade, nós ainda superamos os hermanos, com 7,6 mil passageiros brasileiros contra 6,1 mil argentinos, e ficamos na quinta posição geral.

A Alemanha é o país que mais envia passageiros para a Rússia durante a Copa. Com 44% de aumento anual, são mais de 16 mil viajantes partindo de aeroportos germânicos rumo ao destino. Estados Unidos (13,3 mil), China (8,8 mil) e Espanha (8,4 mil) vêm em seguida no ranking. Confira a lista completa abaixo.

Copa do Mundo de 2018
Número de passagens aéreas para a Rússia para o período do evento
Posição
OrigemNúmero de passageirosCrescimento (%)
1Alemanha
16.21344%
2Estados Unidos
13.65466%
3China8.85540%
4Espanha
8.41939%
5Brasil
7.663711%
6Argentina6.199939%
7Reino Unido
6.15951%
8México
4.440329%
9Hong Kong4.387272%
10Egito
4.358565%

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA