Chicago recebeu mais de 57,6 milhões de visitantes em 2018

|

Divulgação/ Choose Chicago
Destino norte-americano bate recorde
Destino norte-americano bate recorde
Chicago, nos Estados Unidos, recebeu mais de 57,6 milhões de visitantes em 2018, um crescimento de 4,3% em relação ao ano anterior, estabelecendo um novo recorde. A demanda por quartos de hotel cresceu 4,2% e a taxa de ocupação anual aumentou para 75,4%, apoiados pela inauguração de sete novos hotéis.

O crescimento da demanda ajudou a impulsionar um aumento na média da taxa de diária de 4,6% e alta de 9,1% na receita da hotelaria. Com isso, os empreendimentos da cidade geraram uma receita de US$ 140 milhões. As projeções anuais de visitantes, divulgadas pelo órgão de promoção Choose Chicago, foram impulsionadas por um crescimento de 4,4% em visitantes domésticos e um aumento de 2,9% em visitantes estrangeiros.

Estima-se que as contratações relacionadas ao Turismo de Chicago alcançaram 150.616 empregos em 2018, um aumento de 1,2%, sendo que mais de 22 mil vagas no setor foram incluídos desde 2011.

“Quando se trata de atrair turistas e viajantes de negócios, Chicago pode competir com qualquer cidade no mundo. Ao continuar a estabelecer novos recordes no Turismo e a trazer milhões de pessoas todos os anos, estamos criando empregos e oportunidades econômicas”, afirma o prefeito Rahm Emanuel.

“É encorajador não somente ver o crescimento, mas ver o ritmo de crescimento aumentar”, comemora o presidente e CEO do Choose Chicago, David Whitaker. “No ano anterior, os volumes de visitantes cresceram 2,7%, então ver a melhora do ritmo com um aumento anual agora é reflexo de um momento em que Chicago está aproveitando e do crescente impacto que a indústria do Turismo, de encontros e de eventos gera em nossa comunidade.”


MERCADOS

Os dados do Airline Passenger Information System (Apis), coletados no desembarque de voos internacionais diretos para Chicago para os primeiros onze meses do ano, mostram um aumento de 3,9%. O ranking é liderado por um crescimento no número de portadores de passaportes do Brasil (16,2%), Reino Unido (14,1%), Itália (10,9%), Coréia do Sul (9,2%), México (7,4%), Canadá (2,5%) e China (2,1%).


CORPORATIVO

Os aumentos do ano passado são justificados também pelos grandes encontros e feiras sediadas em Chicago. Dos 50 maiores eventos convocados no Mc Cormick Place, 40% (20 convenções) quebraram recordes de participação de expositores, com 15 dessas reuniões estabelecendo altas em comparecimento e 11 novos recordes em vendas de espaços para exibições e oito quebras de recorde registradas no número de expositores.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA