São Paulo e Cancun lideram buscas por viagens até junho

|

Levantamento feito pela plataforma mundial de busca de viagens Kayak mostra os destinos nacionais e internacionais mais buscados pelos brasileiros para viagens até o final de junho. Entre as cidades brasileiras, as mais buscadas são São Paulo, Rio de Janeiro e Recife. No Exterior, Cancun, Lisboa e Buenos Aires são os locais mais buscados.

Unsplash
Cancun é o destino internacional mais buscado pelos clientes Kayak
Cancun é o destino internacional mais buscado pelos clientes Kayak
De acordo com country manager do Kayak no Brasil, Gustavo Vedovato, a pesquisa mostra ainda que houve aumento de 35% no número de pesquisas por acomodação na América Latina em janeiro de 2021, em comparação com outubro a dezembro de 2020. Para o executivo, esses números demonstram a volta gradual da confiança do viajante. “A confiança do consumidor na segurança oferecida e nos protocolos de saúde e higiene seguidos pelos hotéis está impulsionando diferentes tipos de viagens”, diz.

Os números foram coletados entre 1º de janeiro e 16 de fevereiro para viagens a serem realizadas até 30 de junho, apensa com turistas que partem do Brasil.

Segundo esse recorte, o top dez das cidades brasileiros ficou assim: São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Salvador, Maceió, Natal, Porto Seguro, Florianópolis e João Pessoa.

A dezena de destinos internacionais mais procurados foi: Cancun, Lisboa, Buenos Aires, Santiago, Nova York, Miami, Orlando, Paris, Dubai e Londres.

O relatório também mensurou o preço médio cobrado por hospedagem em todas essas cidades e comparou os valores à media do ano passado. Nessa análise é possível notar retração de tarifa em quase todos os destinos - a exceção é Santiago, que viu o valor cobrado pela diária subir 2%.

O maior decréscimo nacional foi visto na capital catarinense, 31% de queda, baixando de R$ 1041 no ano passado para R$ 718. Já a perda menos acentuada se deu em Recife, onde a tarifa média cobrada pela diária era de R$ 1087 e agora é de R$ 918, baixa de 16%.

Fora do país os destinos norte-americanos de Orlando e Nova York tiveram queda na média cobrada pela diária hoteleira de 33% e 31%, respectivamente. Miami e Cancun tiveram retrações de 2% e 7%, respectivamente.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA