EUA voltam a recomendar uso de máscaras a indivíduos vacinados

|


Fernando Frazão/Agência Brasil
Variante delta preocupa, mas mesmo assim, 99% dos casos graves se dão nos não vacinados
Variante delta preocupa, mas mesmo assim, 99% dos casos graves se dão nos não vacinados
Mais de dois meses após retirar a obrigação do uso de máscaras nos Estados Unidos, o Centro de Prevenção e Controle de Doenças do país (CDC) voltou a recomendar que os cidadãos, mesmo os vacinados, devem utilizar a proteção, ao menos em áreas públicas fechadas e/ou com grande risco de contágio.

LEIA TAMBÉM
Estados Unidos manterão restrições de viagens devido à variante delta

A variante delta do coronavírus está em curva crescente no país. A diretora do CDC, dra. Rochelle Walensky, fez um anúncio hoje para explicá-lo. Não há obrigatoriedade de uso de máscara, mas o CDC enfatizou que o número de casos vem aumentando e que as vacinas não livram totalmente as pessoas do contágio.

Ainda assim "mais de 99% dos casos, hospitalizações e mortes são entre indivíduos não vacinados", garante a diretora de Saúde do Condado de Los Angeles, Barbara Ferrer.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA