Mercado especula sobre data de reabertura dos EUA

|

Pixabay/Capturing Life as it happens
Viajantes e setor de Turismo como um todo ainda aguardam por data exata e vacinas aceitas para entrar nos Estados Unidos
Viajantes e setor de Turismo como um todo ainda aguardam por data exata e vacinas aceitas para entrar nos Estados Unidos
Desde a reabertura gradual das fronteiras pelo mundo, muito se esperava pela decisão dos Estados Unidos. Na semana passada, a confirmação veio – de que os EUA vão abrir para turistas estrangeiros vacinados no início de novembro –, mas ainda não foram divulgados muitos detalhes, como data exata e vacinas aceitas, sobre esta retomada.

Agora, com apenas um mês e alguns dias de distância, viajantes da Europa, Reino Unido e outros países restritos, incluindo o Brasil, esperam pelo anúncio do dia específico de abertura para fazer planos de viagem ao país norte-americano.

De acordo com o USA Today, os viajantes estão pedindo informações no Twitter, marcando regularmente funcionários do governo nos Estados Unidos e no Exterior nas publicações, pedindo por uma data.

A Casa Branca continua em silêncio a respeito de uma declaração do tipo. Autoridades de Turismo também dizem que não têm detalhes. Já o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) afirma que espera baixar portaria exigindo que as companhias aéreas coletem informações dos passageiros para rastreamento de contatos em meados de outubro.

Ainda segundo a publicação, no final da semana passada, um blogueiro que rastreou a reabertura do Reino Unido para viajantes dos EUA compartilhou uma captura de tela de uma conversa com a United Airlines, que dizia que o país planejava “suspender as restrições geográficas de viagens" a partir de 1º de novembro. O embaixador da Áustria nos Estados Unidos, Martin Weiss, também disse a um viajante que entrou em contato pelo Twitter que a data prevista é o primeiro dia de novembro.

Portanto, resta aguardar mais algumas semanas para ver se há algum pronunciamento por parte da Casa Branca ou do CDC. A princípio, a reabertura pode acontecer no início de novembro, mas ainda sem o dia específico.

POSSÍVEIS REGRAS E VACINAS
Mesmo que ainda não haja uma data confirmada, quando os EUA reabrirem em novembro, os viajantes deverão apresentar um comprovante de vacinação completa antes de embarcar para o país.

Um resultado de teste negativo para a covid-19 continuará a ser exigido dentro de três dias da partida. Rastreamento de contato aprimorado e uso de máscara também serão necessários, mas não haverá necessidade de quarentena.

Também não foram divulgadas ainda informações sobre os imunizantes aceitos nos EUA, mas é provável que sejam as vacinas aprovadas para uso em emergência pela Organização Mundial de Saúde, como é o caso da Coronovac.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA