SP retira obrigatoriedade de máscara em táxis e carros por app

|

Com isso, utilização do equipamento de proteção passa a ser obrigatória somente no transporte público
Com isso, utilização do equipamento de proteção passa a ser obrigatória somente no transporte público
Um decreto publicado no último sábado (14) pelo prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, retirou a obrigatoriedade do uso de máscara em táxis e transportes por aplicativo na capital paulista.

Com isso, a utilização do equipamento de proteção passa a ser obrigatória somente no transporte público, como ônibus, metrô, trem e aeroportos, além de instituições de saúde, como clínicas, hospitais e postos de saúde.

Em 17 de março, a prefeitura de São Paulo havia liberado a exigência do uso do item em espaços fechados. Na semana passada, a Anvisa liberou o serviço de alimentação a bordo em voos nacionais, mas manteve a obrigatoriedade das máscaras durante os voos e nos terminais.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA