Hotelbeds registra 233,5 milhões de euros em receita anual

|


Divulgação
Em 2018, o resultado financeiro da Hotelbeds foi de 207,9 milhões de euros, até 30 de setembro
Em 2018, o resultado financeiro da Hotelbeds foi de 207,9 milhões de euros, até 30 de setembro
A Hotelbeds encerra o seu ano fiscal, que se encerrou em 30 de setembro, com 233,5 milhões de euros em receita e 498 milhões de euros em fluxo de caixa. A companhia clama pela liderança em seu segmento, "oferecendo aos 180 mil hoteleiros em todo o mundo reservas de alto valor por meio de seu portfólio com mais de 60 mil clientes, incluindo agências de viagens, operadoras, companhias aéreas e programas de fidelidade".

Com o intuito de melhorar a experiência de seus clientes, a Hotelbeds tem investido em automatização e tecnologia de ponta a fim de otimizar suas operações. A distribuidora também anuncia que investirá na abertura de um centro tecnológico em Valencia, na Espanha, que ajudará a impulsionar o desenvolvimento de plataformas automatizadas.

Como parte do plano de otimização, a companhia reduzirá em 5% a sua equipe de colaboradores dos escritórios de Tel Aviv, Londres, Dubai, Orlando e Zurique. Além disso, o “custo por roomnight” – métrica para medir a rentabilidade do negócio - também será reduzido até 2020, de 6,30 para 4,30 euros.

“Esses resultados representam uma grande conquista de um ano de muito trabalho das nossas equipes do mundo todo. Após a integração, nos concentraremos na gestão do dia a dia das operações para oferecer um maior valor aos nossos clientes. Agora é o momento ideal para otimizarmos nossas operações e aproveitar ao máximo a nossa posição estratégica para oferecer maior eficiência”, afirma o presidente executivo da Hotelbeds, Joan Vilà.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA