São Paulo e Airbnb anunciam parceria em campanha de retomada das viagens

|

O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Turismo do Estado, e o Airbnb fecharam um acordo para "alavancar a retomada do setor de Turismo no pós-pandemia". O Estado é o primeiro parceiro da empresa na América Latina em uma iniciativa global, ao lado de regiões dos Estados Unidos, França, Dinamarca, África do Sul e Coreia do Sul. O acordo prevê colaboração em áreas como inteligência de mercado, para o compartilhamento de informações relacionadas ao Turismo no Estado, e ações para promover destinos de Sao Paulo por meios digitais.

Emerson Souza
Vinicius Lummertz, secretário estadual de Turismo
Vinicius Lummertz, secretário estadual de Turismo
"O Airbnb está comprometido em dotar São Paulo de produtos de hospedagem seguros e com soluções inovadoras. É importante que o produto turístico paulista esteja disponível da forma mais ampla e variada possível", pontua o secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Vinicius Lummertz.

Segundo a representação da plataforma on-line de hospedagem, São Paulo é um de seus principais mercados no País. E, em um contexto em que viagens domésticas, especialmente as feitas de carro, serão a tendência inicial na retomada, a empresa vai contribuir muito para apresentar, inclusive aos paulistas, novas opções dentro do Estado.

"Oferecemos a possibilidade de um Turismo autêntico e conectado às comunidades, que valoriza a cultura local e movimenta a economia das cidades. Esse aspecto ganha ainda mais relevância no contexto de recuperação pós-pandemia", afirma a diretora de Relações Institucionais e Governamentais do Airbnb para a América Latina, Flávia Matos.

Em 2019, o companhia gerou um impacto econômico direto de R$ 10,5 bilhões no Brasil, considerando toda a cadeia que envolve o Turismo, como comércio e restaurantes locais, não apenas a hospedagem.

PROTOCOLOS DE HIGIENIZAÇÃO
Em linha com as ações do governo estadual, que estabeleceu novos protocolos de higienização de estabelecimentos ligados ao Turismo, em abril, o Airbnb anunciou seu Programa Avançado de Limpeza.

O projeto da empresa foi desenvolvido com orientação de autoridades sanitárias internacionais, como o CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), dos Estados Unidos, e de especialistas em hospitalidade e higiene médica.

SOBRE A CAMPANHA AIRBNB
O Airbnb está criando iniciativas e parcerias com destinos em todo o mundo para apoiar as viagens locais e o crescimento econômico das regiões. As medidas fazem parte do movimento para a recuperação do impacto da pandemia do novo coronavírus.

?O projeto inclui uma série de acordos com organizações de marketing de destinos para ajudar as organizações a usar a plataforma do Airbnb para apoiar o desenvolvimento econômico local. Em 2019, por exemplo, a comunidade de anfitriões e convidados do serviço de economia compartilhada gerou US$ 117 bilhões em impacto econômico direto estimado em 30 países.

?Por meio de um trabalho com governos e agências de Turismo para ajudar a apoiar viagens responsáveis e seguras que beneficiam cidadãos locais e pequenas empresas, o programa de engajamento, chamado Go Near, pretende promover viagens nas proximidades. Ele já conta com parceiros, como o Estado de São Paulo, National Park Foundation, Turismo de Dubai, Visit Florida, entre outros.

TURISMO EM SP
O Turismo movimentou R$ 240,9 bilhões no Brasil em 2019, segundo dados da CNC (Confederação Nacional do Comércio, Bens, Serviços e Turismo). Só o Estado de São Paulo representou R$ 96,9 bilhões, ou 40,2% de todo o faturamento das empresas do setor no País.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA