Anseditur inicia fórum debatendo investimentos, Cadastur e estruturas

|

Mais de 50 secretários e dirigentes de Turismo participaram ontem (31) do início dos trabalhos do 1º Fórum das Capitais realizado pela Anseditur (Associação Nacional de Secretários e Dirigentes de Turismo). As primeiras ações do evento, que terá atividades até amanhã (2), aconteceram no auditório térreo do Ministério do Turismo, em Brasília. Os membros da diretoria da associação foram os convidados do dia.

Divulgação/Anseditur
O 1º Fórum das Capitais Anseditur recebe mais de 50 secretários e dirigentes de Turismo
O 1º Fórum das Capitais Anseditur recebe mais de 50 secretários e dirigentes de Turismo
Liderando os compromissos relacionados ao evento estavam o chefe de Assessoria Especial de Assuntos Parlamentares e Federativos, Bob Santos, o presidente Anseditur, Ângelo Sanches, e a secretária de Estado do Distrito Federal, Vanessa Mendonça. Eles fora os responsáveis pelas boas-vindas aos secretários presentes e também pelo início das atividades com a primeira pauta do dia, um debate sobre A competitvidade Turística do Brasil na Retomada. Esse painel foi mediado pela coordenadora-geral de Posicionamento de Produtos Turísticos, Fabiana de Melo Oliveira.

Nessa apresentação foram abordados assuntos como o cenário do turismo em 2021 e as principais tendências deste ano. São elas:
- Tour virtual
- Experiências digitais e tecnologias aliadas ao Turismo
- Biossegurança e higienização
- Sustentabilidade e viagens com impacto social
- Turismo de proximidade
- Flexibilidade e transparência

Este também foi o debate que levantou questões como: diferenciais competitivos no Brasil, as linhas de atuação CGPRO no período de 2021/2022, a transformação digital, a inteligência mercadológica e competitiva, inovação tecnológica e desenvolvimento de cidades criativas e destinos inteligentes.

CADASTUR
A segunda pauta do dia foi sobre o Cadastur: A importância da formalização. O assunto foi apresentado pelo coordenador de Apoio à Formalização dos Prestadores de Serviços Turísticos, Ricardo José Tambosi.

Os secretários e dirigentes de Turismo foram orientados em detalhes sobre a importância do cadastro e como ele funciona de maneira prática. No final, Tambosi ainda respondeu uma série de perguntas a respeito do tema.

ESTRUTURA TURÍSTICA
Já no início da tarde, o Fórum das Capitais recebeu a assessora da Secretaria Nacional de Infraestrutura Política, Marcia Maciel, e o diretor do Departamento de Infraestrutura Turística, Ricardo Caiado de Alvarenga. Eles foram convidados para falar sobre Infraestrutura Turística.

A dupla falou sobre os procedimentos dos cadastros tirou dúvidas dos secretários a respeito da a elaboração de ofícios para garantir recursos a seus municípios.

INVESTIMENTOS
O diretor de Atração e Investimentos, João Daniel Ruettimann, também participou do encontro falando a partir do tema “Atração, Investimentos e áreas de atuação: ambiente de negócios, promoção internacional, portal de investimentos e inteligência de mercado”.

Foi ele também o convidado que tratou da atuação da Fungetur frente à pandemia e apresentou o novo Prodetur + Brasil, que tem por objetivo estruturar projetos públicos de infraestrutura turística conforme o espectro de desenvolvimento turístico dos municípios, Distrito Federal ou Estados inseridos nas Rotas Turísticas Brasileiras.

OUTRAS ATIVIDADES
O Fórum ainda recebeu o diretor de Ordenamento, Parcerias e Concessões, Eduardo Tati Nóbrega, que falou sobre ordenamento territorial, estruturação de parcerias e concessões para o turismo

Além de participarem dos fóruns e debates, os convidados também fizeram visitas técnicas a pontos turísticos de Brasilia.

No álbum abaixo veja algumas fotos do primeiro dia de evento.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA