Governo lança novo modelo de passaporte; veja como ficou

|

Em busca de mais segurança contra fraudes e maior identificação com a população do País, o governo federal lançou esta semana o novo modelo de passaporte brasileiro. Renovado, o documento agora traz ilustrações nas páginas com ícones representativos dos biomas e da cultura de cada uma das cinco regiões do Brasil. A capa, que continua azul, também mudou e agora tem listras que se cruzam, dando um ar mais moderno.

Reprodução/Youtube Casa da Moeda
O novo modelo de passaporte foi apresentado esta semana
O novo modelo de passaporte foi apresentado esta semana
O novo modelo foi idealizado em uma parceria entre a Casa da Moeda, Polícia Federal e Ministério das Relações Exteriores, “levando-se em conta o que há de mais moderno no mundo em tecnologia antifraude”.

De acordo com a ICAO (International Civil Aviation Organization), instituição da ONU (Organização das Nações Unidas) que padroniza os documentos de viagem, os passaportes devem ser atualizados a cada dez anos. No Brasil, no entanto, os itens não tinham atualização desde 2006.

QUANDO PASSA A VALER?
O modelo atualizado de passaporte, de acordo com o que informa o Ministério da Justiça, começa a ser produzido em setembro, mês em que se comemora o bicentenário da Independência do Brasil. A última grande atualização tinha acontecido em 2015, quando ele passou a ter um chip e ser chamado de passaporte eletrônico, além de dobrar o prazo de validade para dez anos.

TROCA PELO NOVO É OBRIGATÓRIA?
A troca de passaporte para o novo não será obrigatória: ela só é necessária quando o documento vencer. A validade continua sendo de dez anos.

NÃO SUBSTITUI RG
No mesmo evento, o governo entregou as primeiras unidades da nova Carteira de Identidade Nacional, o RG. E explicou que, como já acontece hoje, ela não vai substituir o passaporte porque o Brasil só possui acordos para uso do documento de identidade com países do Mercosul. Para os demais, o passaporte continua obrigatório.

NOVO DESENHO
Na capa, o destaque é a volta do brasão da República e a saída das estrelas do Cruzeiro do Sul. Todas as regiões do Brasil são homenageados nas páginas internas, que passam a ter mais cores e 13 marcas d'água com ilustrações.

Na página com os dados do cidadão, haverá uma foto em preto-e-branco formada com dados biométricos da pessoa, além da foto colorida tirada na hora de fazer o documento.

Confira no vídeo abaixo a apresentação preparada pelo governo para apresentar o documento.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA