PESQUISAS E ESTATÍSTICAS

Brasileiro leva mais tempo com mala do que escolhendo viagem

O brasileiro é o terceiro turista do mundo que mais gasta tempo na arrumação de sua mala antes de viajar. A afirmação é da Booking.com, que realizou uma pesquisa com 21,5 mil viajantes de 29 países e constatou que os brasileiros levam, em média, seis horas e 30 minutos separando as roupas que vestir usar durante as férias. De acordo com o levantamento, o tempo reservado para as bagagens é maior até mesmo que o utilizado na pesquisa do destino e das acomodações.

Quarenta e oito por cento dos brasileiros levam mais roupas que o necessário
Quarenta e oito por cento dos brasileiros levam mais roupas que o necessário
O Brasil empatou com a Colômbia e ficou atrás apenas da Índia nesse quesito. Os indianos gastam, em média, sete horas e meia na arrumação. Por outro lado, os mais ligeiros entre os latino-americanos são os argentinos, com média de cinco horas e 30 minutos. No mundo, os holandeses são os mais despreocupados: 60% não levam mais que uma hora na atividade.

O estudo ainda mostrou que, entre os países da América Latina, é na Colômbia que o viajante mais considera o processo empolgante, sendo afirmado por 57% dos entrevistados. No México, 52% das pessoas acreditam no mesmo, enquanto 44% dos argentinos e 43% pensam de maneira semelhante.

DEPENDE DA VIAGEM

De modo geral, destinos de praia costumam tomar mais tempo dos viajantes na hora de separar as roupas e arrumar a mala, com China e Grã-Bretanha encabeçando o ranking empatados com 54% das respostas. O Brasil aparece como uma exceção, com seus turistas levando mais tempo em casos de viagens com alguma festa envolvida.

Apesar das muitas horas gastas na arrumação, erros acontecem e os mais comuns são: levar mais roupas que o necessário (48%), esquecer um item essencial (45%), esquecer carregadores (17%), levar menos roupas que o necessário (16%) e não embalar os líquidos de forma correta (15%).
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora