Veja as tendências de viagens para os próximos meses

|

Pixabay
A vacina é apontada pela pesquisa como um estímulo a retomada de viagens
A vacina é apontada pela pesquisa como um estímulo a retomada de viagens
O Expedia Group Media Solutions, a organização de marketing digital do Expedia Group, divulgou seu primeiro relatório trimestral de tendências do setor. O estudo apresenta dados de pesquisas personalizadas e dados primários do Grupo Expedia combinados com percepções praticáveis para "ajudar a garantir que as marcas de viagens estejam mais bem preparadas para se reconectar e reengajar com os viajantes à medida que as viagens na primavera e no verão aumentam".

“Sabemos que as pessoas estão ansiosas para começar a viajar novamente, mas a forma como elas se relacionam com as marcas de viagens e o que elas esperam mudou. Este relatório destaca os dados e tendências mais recentes para ajudar as marcas de viagens a desenvolver estratégias, mensagens e conteúdo que se alinham com o que os viajantes desejam - e precisam - para reservar sua próxima viagem”, explicou a vice-presidente sênior do Expedia Group Media Solutions, Wendy Olson Killion.

As principais descobertas do "Relatório de tendências de recuperação de viagens" do Expedia Group Media Solutions no 1º trimestre de 2021 incluem:

Lançamentos de vacinas globais estimulam o retorno das viagens

Depois de um ano turbulento para a indústria de viagens em 2020, o início de 2021 viu os volumes de pesquisa mensais mostrando um forte crescimento ao longo do primeiro trimestre. O aumento nas pesquisas e na demanda dos viajantes está relacionado ao impulso crescente para o lançamento de vacinas contra a covid-19 e diretrizes de viagens. A mesma conclusão apareceu na quarta pesquisa Pulso Turismo e Covid-19 do TRVL LAB.

Com um dos principais lançamentos de vacinas do mundo, as tendências de pesquisa nos EUA ilustram a correlação entre os principais anúncios de vacinas e o crescimento da pesquisa semana a semana. Nas pesquisas semana após semana, a semana de 15 de março viu o maior aumento nas pesquisas - um aumento de 30% - após o lançamento das diretrizes do CDC para indivíduos totalmente vacinados. As notícias do CDC fizeram com que 43% dos americanos se sentissem mais confortáveis ao viajar - ou os levou a reservar uma próxima viagem.

Janela de pesquisa permanece curta

Continuando uma tendência observada ao longo de grande parte do ano passado, a maioria das pesquisas globais no primeiro trimestre de 2021 caiu na janela de pesquisa de zero a 21 dias, já que a incerteza em torno das viagens globais fez com que os viajantes optassem por viagens mais oportunistas e de curto prazo, geralmente perto de casa. Embora essa tendência pareça estar se fortalecendo para viagens domésticas, janelas de busca mais longas para viagens internacionais estão começando a surgir.

Esta tendência é particularmente pronunciada na região da Europa, Oriente Médio e África, onde as pesquisas 91 dias antes ou mais representaram quase 40% das pesquisas internacionais feitas no primeiro trimestre de 2021, em comparação a cerca de 25% no quarto trimestre de 2020. Esta é uma boa notícia para destinos ou atrações que procuram atrair viajantes de longa distância.

Viagem doméstica ainda é prioridade

Mesmo com o aumento da distribuição da vacina, muitos viajantes continuam a priorizar as viagens domésticas sobre as internacionais e estão fazendo viagens mais perto de casa. No primeiro trimestre de 2021, os destinos de praia compunham os 10 destinos mais reservados em todo o mundo. Em nível regional, os 10 principais destinos reservados também refletem destinos de praia, embora dentro da mesma região.

Como os viajantes antecipam as viagens do final da primavera e do verão, as viagens de carro continuarão a eclipsar as viagens aéreas e outros métodos de transporte. Uma pesquisa recente de costume descobriu que para viagens domésticas e internacionais para um país vizinho durante abril a setembro de 2021, os viajantes consideram mais seguro dirigir seu próprio carro ou um carro alugado do que outros meios de transporte.

Compensando o tempo perdido com viagens mais longas

Muitos viajantes estão recuperando o tempo perdido em 2021 fazendo viagens mais longas, planejando usar totalmente os dias de férias e continuando a trabalhar remotamente enquanto viajam com “flexication", estadas mais longas que incluem trabalho e lazer. Essas viagens mais longas estão beneficiando os fornecedores de destinos e acomodações. Na comparação com o trimestre anterior, no primeiro trimestre de 2021, a demanda por aluguel por temporada aumentou e o tempo médio global de permanência para aluguel por temporada aumentou 30%.

Os dados da Vrbo mostram que os viajantes de aluguel por temporada têm 75% mais probabilidade de reservar mais estadias de pelo menos sete noites em casas de férias neste verão, excedendo os níveis pré-pandêmicos e ilustrando as oportunidades para os comerciantes de viagens promoverem e encorajarem estadias mais longas.

Saúde e higiene não são mais fatores determinantes

Desde o início da pandemia, fatores relacionados à saúde e higiene aumentaram de importância para os viajantes. No entanto, à medida que a confiança do consumidor continua a crescer, há sinais de que os fatores mais tradicionais de tomada de decisão, como custo, tranquilidade financeira e conveniência, estão começando a se reafirmar.

Ao comparar os cinco principais tópicos pesquisados ao reservar voos dos últimos 12 meses com os cinco principais do primeiro trimestre de 2021, as considerações com foco em saúde e higiene foram retiradas da lista. Temas como segurança geral, limpeza e aglomeração foram substituídos por custo, capacidade de alterar voos e navegação, entre outros.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA