POLÍTICA

Equipe do MTur traça estratégias na Serra da Capivara

Divulgação / Roberto Castro
Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo
Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo
Durante três dias da última semana, técnicos do Ministério do Turismo estiveram em São Raimundo Nonato (PI) e em Coronel José Dias (PI) – cidades que compõem o Parque Nacional da Serra da Capivara – para realizar um diagnóstico do turismo local. A ideia é que, até o final deste mês, um relatório com ações e projetos a serem realizados na região seja entregue à Casa Civil. A ação vem atender a um compromisso estabelecido pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, durante visita ao Estado ainda em agosto.

Além de ações de infraestrutura e de qualificação profissional, os gestores locais e do trade turístico solicitaram apoio para o início das operações do aeroporto Serra da Capivara. O Ministério do Turismo já investiu R$ 150 mil no projeto executivo do terminal. O aeroporto é considerado estratégico para a atividade turística nos 17 destinos da região integrada da Serra da Capivara e nos estados vizinhos (PE, BA e MA).

Após o fim da visita, o subsecretário de Planejamento, Orçamento e Administração do Ministério do Turismo, Roger Vieira, que coordenou a equipe, destacou o potencial do Parque e a parceria da pasta para ampliar o setor de Turismo. “A Serra da Capivara é um Patrimônio Cultural da Humanidade com vocação turística há décadas. A estrutura existente pode ser melhorada com a articulação do MTur junto a outros órgãos, o que será feito a partir do diagnóstico elaborado pelos técnicos que visitaram a região”, destacou Vieira.

Além de se reunir com o trade e os gestores locais, a equipe foi ver de perto as necessidades de cada ponto turístico da Serra da Capivara. Na primeira parada, no Boqueirão da Pedra Furada, o grupo conheceu um dos principais monumentos geológicos do parque e também o maior painel natural de pinturas rupestres do planeta, que preserva formas gráficas de comunicação da Pré-história. Ainda em São Raimundo Nonato, a equipe esteve na Fundação e no Museu do Homem Americano, onde se encontraram com a arqueóloga Niède Guidon.

A comitiva também conheceu a produção artesanal da Cerâmica Serra da Capivara, criada para gerar emprego e renda a comunidades que habitam o entorno do Parque Nacional.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA