Rei da Holanda também co-pilota aviões da KLM

|

Reprodução
Ser apenas rei não é o suficiente para Willem-Alexander, da Holanda
Ser apenas rei não é o suficiente para Willem-Alexander, da Holanda

O monarca holandês, Willem-Alexander, assumiu o trono em 2013, mas há 21 anos já tinha outra ocupação: co-piloto de jatos Fokker 70 da KLM.

Sem se identificar para os passageiros, ele realizava até dois voos por mês. “Eu acho voar algo simplesmente fantástico”, disse ao jornal De Telegraaf. O Fokker 70 está saindo de circulação e, para continuar na ativa da aviação, o rei está aprendendo a pilotar Boeings 737.

Ao jornal, o monarca afirmou que seria piloto de aviões comerciais caso não fosse da família real. “Era um sonho de infância. Após o serviço militar, fui para a escola de aviação, onde obtive minhas certificações profissionais. Para mim é importante ter um hobby onde posso me concentrar”, disse. “Voar é a maior forma de relaxamento”.

Apesar de ser uma figura pública, ele conta ter sido reconhecido apenas poucas vezes, e por causa de sua voz.


*Fonte: Airway

conteúdo original: bit.ly/2qNL9Oi
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA