Delta testa biometria como cartão de embarque nos EUA

|

Dreamstime
Imagine realizar todo processo de embarque em um voo, com check-in, despacho de bagagens e entrada na aeronave sem precisar de nenhuma identidade ou cartão de embarque, seja no celular, seja impresso. É isso que a Delta pretende oferecer aos clientes associados ao seu programa Sky Miles, por meio de um cartão de embarque biométrico, ou leitura das digitais, desenvolvido com a empresa de tecnologia Clear.

A nova ferramenta, na primeira fase de testes no Aeroporto Internacional Ronald Reagan (DCA), já permite que os membros do seu programa de milhagem utilizem suas digitais para entrar no Delta Sky Club do aeroporto, espaço reservado para membros que vão voar com a companhia aérea. Em breve, a segunda fase do teste já permitirá que os membros Sky Miles façam seu check-in e despachem suas bagagens apenas com suas digitais, acelerando o processo.

"Estamos avançando rapidamente em direção a um dia em que sua impressão digital, de retina ou seu rosto se tornará a única identidade que você precisará para qualquer número de transações", confia o COO da Delta, Gil West. "Estamos entusiasmados com a parceria da Delta com a Clear nos dá um motor para pioneirar a experiência deste cliente no aeroporto".

As conclusões do teste no aeroporto Ronald Reagan serão analisadas para determinar as próximas etapas do processo de implementação da nova ferramenta.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA