DISTRIBUIÇÃO

Expedia investe US$ 26 milhões em plataforma para hotéis

Flickr/sporst
O projeto Alice, plataforma de operações para hotéis que tem como objetivo melhorar a experiência do cliente, anunciou hoje que recebeu um enorme investimento do Expedia para entrar em ação: foram US$ 26 milhões, boa parte dos US$ 39 milhões que o Alice obteve de financiamento, e fazendo do Expedia um acionista majoritário da plataforma.

Segundo comunicado do Alice, os fundos adquiridos serão usados com finalidade de "oferecer a melhor tecnologia e serviço ao cliente na indústria da hotelaria".

Ainda segundo a empresa, o projeto continuará estudando não apenas o funcionamento do negócio interno de um hotel, mas também a forma como os serviços são oferecidos hoje em outras indústrias fora da hotelaria, buscando assim inspirações em outros mercados para melhorar a experiência de hóspedes. "Este financiamento permite que o Alice crie suas equipes de desenvolvimento, produto e vendas para ajudar a empresa a atingir seu objetivo, que é ser uma das principais plataformas operacionais da indústria hoteleira".

"É hora de a Internet se expandir e revolucionar a forma como nossos parceiros hoteleiros não apenas comercializam e distribuem seus produtos, mas também em como eles atendem e interagem com seus hóspedes", explicou o presidente Serviços de Parceria de Hospedagem do Grupo Expedia, Cyril Ranque. "O projeto Alice está desenvolvendo uma tecnologia móvel e de nuvem para melhorar
Youtube/Expedia
Presidente Serviços de Parceria de Hospedagem do Grupo Expedia, Cyril Ranque
Presidente Serviços de Parceria de Hospedagem do Grupo Expedia, Cyril Ranque
fundamentalmente a experiência dos clientes com o setor hoteleiro. Essa é uma revolução que vale a pena investir", concluiu Ranque.

O CEO do Alice, Justin Effron, também explicou melhor que serviço quer oferecer para o setor hoteleiro: "Nossa missão é dar aos hotéis a capacidade de oferecer o melhor serviço e experiência ao cliente, e esta última rodada (de financiamento) é um testemunho do trabalho duro de todos os envolvidos. Com esse investimento adicional, estaremos melhor equipados para ajudar o setor hoteleiro a alcançar seus objetivos de melhorar a experiência de seus hóspedes", resumiu.

O investimento foi confirmado na segunda rodada de financiamentos do projeto, chamado Serie B. Na Serie A, realizada em janeiro, o financiamento havia ficado em US$ 9,5 milhões, também liderado pelo Expedia. Além disso, nos últimos seis meses, o Alice aumentou sua base de clientes em quase 200%. Os últimos clientes a adquirirem a plataforma foram Two Roads Hospitality, Dream Hotel Group, Sixty Hotels, Nylo Hotels e Leading Hotels of the World.

O anúncio é feito dias depois do CEO do Expedia, Dara Khosrowshahi, deixar o cargo para liderar o Uber.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA