Zarpo alcança níveis de vendas de 2019 no final de 2020

|

Divulgação
Daniel Topper,CEO da Zarpo
Daniel Topper,CEO da Zarpo
Na Zarpo, agência de viagens on-line com cerca de sete milhões de clientes cadastrados, a retomada do Turismo é uma realidade cada vez mais próxima. A companhia voltou a atingir o nível de faturamento de 2019 no mês de agosto de 2020, o que era esperado apenas para o primeiro semestre de 2021. E em novembro, alavancado pela Black Friday, a empresa alcançou o maior faturamento mensal desde sua fundação.

“Para manter a empresa o mais saudável possível, mesmo diante de uma das piores crises mundiais, tomamos medidas rápidas. Desde o início da pandemia, em março do ano passado, quando houve o fechamento de hotéis e, consequentemente, o aumento da demanda por cancelamentos e alterações de reservas, a prioridade foi reforçar nosso atendimento”, explica o CEO da Zarpo, Daniel Topper. “Estar perto do cliente e solucionar seus problemas com agilidade garantiu que ele voltasse a comprar com a gente no momento da retomada”, completa.

Além da atenção ao atendimento, o outro fator citado pela empresa como responsável pelos bons resultados são os protocolos adotados pelos hotéis e destinos parceiros.

PROJEÇÕES E DESTINOS MAIS BUSCADOS
Para 2021, a expectativa da Zarpo é retomar o crescimento em relação ao ano de 2019, com plano de continuar captando a maior demanda por viagens domésticas e apostar em descontos exclusivos negociados junto aos parceiros.

Até o momento, os destinos mais reservados por meio da plataforma são cidades do interior paulista, como Atibaia, Lins, Olímpia, Campinas e Campos do Jordão. Praias no Nordeste também aparecem entre os mais buscados, como Porto Seguro, Praia do Forte, Porto de Galinhas, Ilhéus e Natal. Na região Sul, os principais destinos são Foz do Iguaçu e Gramado.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA