HOTELARIA

Centro de eventos do Deville Salvador impulsiona faturamento

Divulgação/Deville
A taxa de ocupação do Deville Salvador cresceu 13% até outubro
A taxa de ocupação do Deville Salvador cresceu 13% até outubro
O Deville Prime Salvador tem colhido os bons resultados dos investimentos feitos em infraestrutura na sua propriedade. Após desembolsar R$ 6 milhões em modernização dos ambientes, o empreendimento cresceu 18% em faturamento de janeiro a outubro face a mesma época de 2017.

A taxa de ocupação subiu 13% e, ainda, o hotel contratou 15 novos colaboradores ao longo do ano para atender a demanda.

Um dos motivadores que emplacaram a alta de dois dígitos é o centro de eventos. O espaço foi inaugurado em 2015 e tem capacidade para 1,3 mil pessoas, distribuídas em 13 salas.

“Com equipamentos modernos, recebemos importantes congressos de entidades e empresas nos mais variados segmentos, como medicina, tecnologia, farmácia e montadoras. O segmento corporativo e de eventos também é responsável por grande parte de nossos hóspedes”, afirma o diretor de Vendas e Marketing da rede Deville, Cícero Vilela.

Oitenta porcento dos hóspedes são representados por viajantes corporativos, enquanto o restante compreende turistas de lazer, que aproveitam o espaço em maior parte entre dezembro e fevereiro, na alta temporada.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA