Como a reforma trabalhista pode afetar as viagens corporativas

|

Jhonatan Soares
O gestor de viagens da Philips Latam, Fernão Loureiro
O gestor de viagens da Philips Latam, Fernão Loureiro

O que a nova regulamentação da terceirização e a reforma trabalhista podem trazer de bom para o setor de viagens e eventos corporativos? Segundo o gerente regional estratégico de Viagens na Philips Latam, Fernão Loureiro, essas serão medidas positivas para o Turismo, especialmente para o corporativo.

Em sua nova postagem no blog Gestor de Viagens, da blogosfera do Portal PANROTAS, Loureiro dá uma série de exemplos do que pode acontecer com a nova lei, como o surgimento de empresas de formação especializada de consultores de viagens e menor custo de fornecedores.

O gestor também fala a respeito da mudança de papel do travel manager, que precisará se ajustar – assim como as TMCs – nos próximos dez anos. Quer saber mais e participar do debate? Clique aqui para acessar o post.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA