MERCADO

VHC (Trend) lança mansão para mercado corporativo


Divulgação/VHC
Investindo cada vez mais em um portfólio próprio de casas administradas, a VHC (Vacation Homes Collection), empresa da Trend/CVC, vai inaugurar diversos empreendimentos em Orlando, na Flórida, em 2018, incluindo um condomínio de 52 casas exclusivo da empresa, e ainda uma mansão com 15 suítes, e serviço incluso, voltada ao mercado corporativo ou grupos de incentivo e lazer.

Segundo o diretor da VHC, Fábio Cardoso, a mansão estará disponível já em janeiro e poderá hospedar até 30 pessoas em acomodação dupla. Terá um cinema que pode ser convertido em sala de reunião e serviço de arrumação todos os dias, incluindo mordomo para providenciar diversos tipos de pedidos. “Servirá desde grupos de Disney até o mercado corporativo e de incentivos, pois podemos hospedar 15 casais, por exemplo, ou um grupo de uma empresa”, explica. Assim como nos demais produtos VHC, a mansão terá um menu de experiências que podem ser agregados à hospedagem.

Hoje com 200 casas administradas pela VHC e cerca de 500 no portfólio, a empresa quer chegar ao fim de 2018 com 300 unidades próprias. O foco agora é investir em administração própria e condomínios exclusivos, além de casas grandes, as mega homes, para grupos, oferecendo uma experiência única.

Um dos condomínios exclusivos será aberto em abril, com 52 casas. Será o Le Reve Orlando e Cardoso diz que há negociações com outros incorporadores para lançamentos exclusivos. Tendo um condomínio só para hóspedes VHC (com vendas via Trend/agências, CVC/lojas e agências e outros canais, como OTAs) Fábio Cardoso diz que o controle de qualidade aumenta e os grupos podem ficar perto, o que também facilita a operação no destino.

O portfólio da VHC tem desde casas de dois ou quatro quartos até as com 12 e 14 e a média de pernoites dos brasileiros é de sete noites nas unidades, o que está aumentando com a retomada das viagens internacionais. As diárias começam em US$ 99 para uma casa com três suítes, por exemplo. A mansão de 15 suítes terá diárias de US$ 1 mil.
Marluce Balbino
Fabio Cardoso, diretor da VHC
Fabio Cardoso, diretor da VHC
OUTROS DESTINOS

Com a compra da Trend pela CVC, a VHC vai investir também em outros destinos fora de Orlando/Kissimmee, para atender ao público da operadora nos Estados Unidos. E segundo Cardoso, a estratégia da Trend de só vender via agentes de viagens não foi e não será afetada, com a equipe da empresa dando toda a assessoria de aluguel de casas às agências de viagens multimarca, seu único canal de distribuição. Em 2017, a VHC e a Trend, com apoio do Experience Kissimmee, treinaram agentes de viagens de todo o País sobre o aluguel das casas. E isso vai continuar no novo ano.

“Orlando e Kissimmee possuem um inventário muito novo de casas e o brasileiro está se acostumando. O nível de satisfação com o aluguel de casas é de 90%, então a tendência é aumentar essa procura. Enquanto que na hotelaria tradicional o grau de satisfação é de 78%”, conta Cardoso.

Economia, proporcionar uma experiência diferente, liberdade, espaço, escolha da casa, integração dos grupos e famílias, comodidade e a garantia de estar alugando de um grupo sólido, são, segundo os diretores da VHC, as principais vantagens do aluguel de casas com a empresa.

Saiba mais em vacationhomescollection.com/br ou com seu executivo Trend ou CVC.

Veja algumas fotos das casas VHC no álbum abaixo

E confira o Instagram da VHC (vacationhomescollection) e veja como algumas celebridades como Xuxa, Wanessa Camargo, Dani Calabresa e Fabiana Carla, entre outras, curtiram suas estadas em uma casa VHC em Orlando.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora