Estudo sugere fórmula geral dos eventos de sucesso

|

A crescente convergência entre negócios e indústrias criativas diante do tédio dos congressos e conferências está mudando a forma com que empresas montam seus eventos para engajar participantes. Esta é a tendência do momento. Quando isso começou?

Segundo o estudo Megatrends 2017, do site Skift, a recente alta dos eventos começou com as programações multidisciplinares do Ted, que trazem referências de diversas indústrias para compartilhar seus pontos de vista na "Era da Conectividade".

PROBen Smith/Flickr
Estande da Intel na Ces 2016, em Las Vegas
Estande da Intel na Ces 2016, em Las Vegas

"Isso inspirou uma onda de 'conferências inovadoras' em cidades de todos os tamanhos, no mundo todo", aponta a publicação.

"A fórmula por trás dos eventos em geral é a mesma: colocar as mentes mais inspiradoras dos negócios, tecnologia, imprensa, ciência, educação, artes e cultura em um mesmo espaço colaborativo e colorido. Depois, mistura-se tudo com a integração entre off-line e on-line, realidade aumentada, competições entre startups, música ao vivo, exibições e experiências para criar colisão espontânea entre participantes de formas inéditas."

Conforme sugere o estudo, o meeting design é uma das variáveis da fórmula, já que planejar a disposição do espaço e a ordem dos acontecimentos é fundamental à experiência do participante. Ao exemplificar com um evento do Google na Califórnia no ano passado, quando a empresa montou um ambiente "cult" de contêineres que seriam de sala de reuniões de dia e espaços sociais de noite, o estudo ressalta que empresas buscam gerar mais engajamento colocando interesse profissional e pessoal do participante em um mesmo ambiente.

"Eventos sempre serviram de plataforma para marketing e educação, mas casar experiência do usuário com máquinas com um conteúdo diferente ajuda a empresas chegarem a mais pessoas mais vezes. A London Technology Week e a Consumer Electronics Show (CES) de Las Vegas, por exemplo, tornaram-se gigantes por serem bem-sucedidas nas experiências das pessoas com as marcas em tempo real."
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA