Tecnologia também é aliada para melhorar experiência do hóspede

|

De que maneira a tecnologia pode ajudar a hotelaria? Como a indústria deve aproveitá-la? Apesar de a interação humana ser essencial no serviço prestado ao cliente, o setor de hospitalidade pode obter sucesso por meio de soluções tecnológicas, como foi debatido na 4ª HSMai Strategy Conferece, no Pullman Vila Olímpia, em São Paulo.

Emerson Souza
Amy Secches, da Oracle, e Cláudio Cordeiro, da Totus, à direita
Amy Secches, da Oracle, e Cláudio Cordeiro, da Totus, à direita

De acordo com um estudo feito pela Oracle e apresentado pela diretora de Vendas da empresa, Amy Secches, 52% dos brasileiros entrevistados desejam utilizar o celular para acessar programas de fidelidade e 55% tem interesse em usar o smartphone ou tablet para fazer o pagamento dos hotéis. “É preciso mudar a estratégia e focar no que eles querem, oferecer melhores ferramentas que, por meio da mobilidade, provem um serviço a qualquer hora, em qualquer momento”, diz.

“Se os serviços de um hotel forem atualizados, vou ter menos contato humano, mas é importante pensar de outra forma. Quanto mais automatizar certos serviços, mais tempo terá para dedicar ao atendimento”, afirma o diretor de Hospitality da Totus, Cláudio Cordeiro.

Por isso, quanto mais ferramentas que facilitem o trabalho de gestão existirem, mais customizada poderá ser a atenção dada ao cliente. Além disso, o hóspede precisa receber um atendimento personalizado de forma clara e efetiva. Será isso que irá fidelizá-lo.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA