TECNOLOGIA

Estudo da Expedia mostra que é preciso diminuir atrito em viagens

LAS VEGAS (ESTADOS UNIDOS) – A tecnologia pode melhorar as experiências de viagens, reduzindo atritos, pontos de dor e que causam estresse ao longo da jornada do viajante. Estes foram alguns dos pontos descobertos na pesquisa Online Travel Friction Index1, lançado pelo Expedia Group, em parceria com a Magid, durante o primeiro dia do Explore ’19, que acontece em Las Vegas (Estados Unidos).

Pixabay
Tecnologia pode melhorar as experiências de viagens, reduzindo atritos, pontos de dor e que causam estresse
Tecnologia pode melhorar as experiências de viagens, reduzindo atritos, pontos de dor e que causam estresse
O levantamento mostrou também que os viajantes querem que os fornecedores ofereçam uma experiência de viagem ininterrupta – frictionless – e lidem com rapidez e eficácia diante de qualquer desafio durante os deslocamentos.

Segundo o index, realizado com quase 850 usuários, há alguns fatores-chave que reduzem o atrito para o viajante. São eles: um site de reservas facilmente navegável; inventário com o melhor valor; capacidade de filtrar e classificar um tipo de quarto específico; opção para resgatar ofertas especiais; e capacidade de filtrar e classificar rapidamente critérios específicos de localização do hotel.

Com o objetivo de remover os atritos dos parceiros por meio de diferentes ferramentas, a Expedia está lançando o Partner Central Chatbot. Desenvolvido pela próxima geração de arquitetura de inteligência artificial e machine learning da empresa, esta solução traz um assistente virtual que fornece ajuda contextual e suporte aos parceiros da empresa. Atualmente, o mecanismo está gerando 2,5 milhões de recomendações.


O Portal PANROTAS viaja a convite da Expedia
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA